Quarta-Feira, 26 de Junho de 2019
Governo de Santa Catarina gasta quase R$ 1 milhão em despesas com helicóptero em apenas quatro meses
Governo de Santa Catarina deverá vender duas aeronaves, mas gastos com um helicóptero já ultrapassaram R$ 940 mil em quatro meses
23/04/2019 | 11:55
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Desde que assumiu o cargo de governador do Estado de Santa Catarina - cujo estado está literalmente arrombado em dívidas públicas ( são mais de R$ 20 bilhões ) sendo que sequer uma auditoria de contas foi realizada para apurar o rombo das dívidas ao longo de décadas; os gastos com despesas do governo vão a cada dia aumentando.

 

E como não bastasse o controle destes gastos públicos; somente com um helicóptero o governo do Estado já gastou mais de R$ 940 mil e apenas os primeiros quatro meses de governo. Uma das medidas já anunciadas pelo atual governador de Santa Catarina Carlos Moisés (PSL) é vender dois aviões que pertencem ao Estado e que por alguns anos era utilizado pelo Executivo estadual.

 

Com a venda estas duas aeronaves o governador Moisés (PSL), pretende arrecadar cerca de R$ 2 milhões. O contrato de aluguel do helicóptero ´foi feito entre o governo de Santa Catarina e a empresa Helisul que tem sede em Curitiba (PR). O contrato vence somente no final deste ano de 2019 e a despesa mínima com este helicóptero é de R$ 230 mil reais por mês.

 

Em 2011, o então governador do vizinho estado do Paraná Beto Richa (PSDB), havia realizado um leilão de uma aeronave turboélice alcançando o valor de R$ 449 mil reais sendo esta aeronave adquirida pelo empresário Eloy Biesuz - proprietário da empresa Helisul com sede em Curitiba (PR) .

 

O proprietário da Helisul é colecionador de aeronaves e adquirira naquele leilão feito pelo governo de Beto Richa; o King Air ano 1969 e que atuava há 43 anos atendendo o governo paranaense. Na época, na Assembleia Legislativa do estado do Paraná, ocorrera críticas e denúncias de que o governo Beto Richa (PSDB), utilizava aeronaves sem promover licitação. Richa, na época argumentara de que diante de emergência dispensou tal licitação. O governo do Paraná em apenas três meses de utilização de duas aeronaves na gestão de Beto Richa gastou o equivalente a R$ 2 milhões, sendo em média R$ 22 mil reais por dia de aluguel

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2019 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar