Quinta-feira, 22 de Outubro de 2020
Operação da PF ; MPF e Receita Federal "E$QUEMA", desbarata organização criminosa que pode ter desviado mais de meio bilhão de reais
"E$QUEMA" - A Operação da PF; MPF e Receita Federal desbarata organização criminosa que pode ter desviado mais de meio bilhão de reais
09/09/2020 | 21:26
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Baseada na delação e comprovação de documentos entregues ao Ministério Público Federal (MPF); Polícia Federal (PF) e à Receita Federal, pelo ex-presidente da FECOMÉRCIO do Rio de Janeiro, Orlando Diniz; a PF juntamente com o MPF e Receita Federal, deflagram na quarta-feira (09), a Operação " E$QUEMA ", que apura desvios e fraudes financeiras através do Sistema S junto ao SESC; SENAC e FECOMÉRCIO durante o período entre 2012 a 2018. Somente neste período, segundo as investigações foram desviados recursos públicos financeiros na ordem de R$ 151 milhões, mas o valor pode ultrapassar meio bilhão de reais.

 

A Operação " E$QUEMA ", mira os advogados do ex-presidente da República Luís Inácio Lula da Silva; Cristiano Zanin e Roberto Teixeira, além do ex-advogado do presidente da República Jair Bolsonaro; Frederick Wassef - que defendeu Jair Bolsonaro e seu filho Flávio Bolsonaro. A Polícia Federal (PF); MPF e Receita Federal fizeram também buscas e apreensões em endereços ligados a escritórios de advocacias ligados a Caio Rocha que é filho do ex-ministro do Supremo Tribunal de Justiça (STJ); César Asfor Rocha; Eduardo Martins que é filho do presidente do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) Humberto Martins e de Thiago Cedraz que é filho do ministro Aroldo Cedraz, do Tribunal de Contas da União (TCU).

 

A Operação " E$QUEMA " cumpriu 50 mandados de buscas e apreensões no Rio de Janeiro; São Paulo e Brasília (DF). Crimes vão desde tráfico de influência; lavagem de dinheiro; falsidade ideológica; organização criminosa; corrupção e de fraudes e desvios de recursos públicos.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2020 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar