Segunda-Feira, 08 de Março de 2021
Rombo na Celesc : TJSC determina indisponibilidade de bens de 12 pessoas e duas empresas no valor de R$ 316,5 milhões
11/02/2021 | 11:57
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

A Justiça em Santa Catarina determinou a indisponibilidade de bens de 12 pessoas e de duas empresas no valor atualizado em R$ 316,5 milhões diante rombo na Celesc através de contrato junto a uma empresa a fim de realizar cobranças de crédito de difícil recuperação da Celesc. Irregularidades apontadas no contrato e deliberações sucessivas de aditivos milionários além de deliberações administrativas por parte da Celesc para que a empresa prestadora destes serviços recebesse indevidamente valores vultuosos oriundos de receitas de fácil liquidez. Entre os nomes que tiveram os bens bloqueados pela Justiça através de decisão da 1a. Câmara de Direito Público do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina (TJSC); consta do ex- governador de Santa Catarina e ex-presidente da Celesc Eduardo Pinho Moreira (MDB).

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2021 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar