Domingo, 22 de Outubro de 2017
O maior ambientalista
"Nós, humanos, pensamos de forma linear, porém o universo é interligado; tudo acontece simultaneamente", diz o Engenheiro e Escritor Gilberto Aguiar
04/06/2014 | 21:27
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Se lermos atentamente o primeiro livro de Moisés, chamado “Gênesis”, sobre a criação do Céu da Terra e de tudo o que nele se contém, vamos render homenagens ao maior ambientalista de todos os tempos: o Criador do Universo. Sua criação foi universal e sustentável de maneira harmônica. Deus criou o ser humano à sua imagem e semelhança.

 

Mas não só o ser humano. Toda a natureza, vida, terra, água, ar, sol, cosmos... de forma ordenada e integrada. Nós, humanos, pensamos de forma linear, porém o universo é interligado; tudo acontece simultaneamente. O que fizemos ao nosso microclima (local) tem repercussão direta no macroclima (global). O presente e o futuro da humanidade e da biodiversidade estão ligados à construção de uma sociedade sustentável. “Não se pode ir bem em um mundo que vai mal.”

 

Com o advento da revolução industrial, surgiram os motores, petroquímica, exploração do carvão, do óleo, da lenha, da eletricidade, enfim, um consumo desenfreado de energia elétrica e mecânica, ocasionando grande concentração de CO2. Logicamente, precisamos de energia, porém em escala racional. As maiores concentrações de pessoas estão nos centros urbanos, onde a emissão de CO2 chega a 75% do total.  A engenharia e o meio ambiente têm que buscar sucesso em conjunto.

 

Sabe-se que 75% dos materiais da natureza vão para a construção civil, portanto, é chegada a hora de repensar, planejar e agir no sentido da eficiência energética, bioclimatologia, meio ambiente e sua sustentabilidade. Toda solução para salvar o planeta também passa pela solução da pobreza, visando a igualdade de chances para que todos possam recomeçar. Sabemos que no Universo nada se move e nada se transforma sem energia, porém a atividade econômica de um país (PIB) não poderá ser proporcional ao crescimento de sua matriz energética.

 

Somos a nação do sol, das águas, dos ventos, da biomassa, das matas, das fontes de energia renováveis, temos grande responsabilidade pelo que nos foi legado. Chega de erosão, deterioração do solo, devastação florestal, poluição dos mares e das bacias hidrográficas, da exterminação da vida animal e vegetal. É hora de dizer sim à sustentabilidade, sim à vida. Salvar o planeta é o maior negócio do mundo e um meio de mostrar ao Criador nossa gratidão pela vida.

 

(*) Gilberto dos Passos Aguiar
Escritor e Engenheiro

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2017 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar