Quarta-Feira, 20 de Junho de 2018
Operação " Registro Espúrio " deflagrada pela PF e MPF inclui senador de Santa catarina nas investigações
Senador Dalírio Beber (PSDB/SC) é investigado junto a vários lobistas; advogados; sindicalistas e captadores financeiros na Operação " Registro Espúrio "
31/05/2018 | 3:36
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Supostas quadrilhas num forte esquema criminoso foi desvendado pelas investigações realizadas pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal através da Operação " Registro Espúrio ", deflagrada na manhã de quarta -feira (30) pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal. As investigações inclui o senador de Santa Catarina Dalírio Beber (PSDB).

 

Supostas fraudes de registros sindicais; dentre outros atos ilícitos dentro e fora do Ministério do Trabalho através da Secretaria de Relações do Ministério do Trabalho; foram descobertos pelas investigações da Polícia Federal e Ministério Público Federal. Foi o que desvendou a Polícia Federal (PF) e o Ministério Público Federal (MPF), juntamente com a Procuradoria Geral da República (PGR), através da Operação " Registro Espúrio ".

 

A Polícia Federal realizou na manhã de quarta-feira (30), o cumprimento de 64 mandados de buscas e apreensões; 8 mandados de prisão preventiva; 15 mandados de prisão temporária, além de outras medidas cautelares - todas realizadas em vários estados do país. Em Brasília (DF), a PF e MPF estiveram em três gabinetes de deputados federais: Paulo Pereira da Silva ( Paulinho da Força ), do Partido da Solidariedade ( SD ), de São Paulo; Jovair Arantes ( PTB) de Goiás e de Wilson Filho ( PTB ) da Paraíba.

 

Fraudes em registros sindicais foram descobertos pelas investigações da Polícia Federal e do Ministério Público Federal. Em fevereiro deste ano a Procuradoria Geral da República (PGR), pedia o arquivamento de investigação contra o senador Dalírio Beber (PSDB), de Santa Catarina, mas após três meses ocorreu a ação de mandados e buscas e apreensões além de prisões temporárias e de prisões preventivas de vários dos envolvidos nestas investigações da PF e do MPF.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2018 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar