Quarta-Feira, 26 de Junho de 2019
Brasil: tragédias não ocorrem por acaso, mas por descaso neste país
Por Agnaldo Godoy
10/02/2019 | 21:19
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

O Brasil convive constantes descasos que resultam em enormes tragédias com mortes de inocentes, vítimas destes descasos decorrentes de muitas falhas que vão desde à falta de respeito com a legislação, desrespeito à fiscalização e de outros sintomas específicos em casa uma das tragédias neste país. Vejamos por exemplo: quantas vezes já ocorreram na história mais recente no Brasil o registro de ruptura de barragens e com efeitos desastrosos deixando dezenas e até centenas de vítimas como da mais recente ocorrida com a Barragem Mina 1 Córrego do feijão, da mineradora VALE S/A, em Brumadinho (MG), cujos danos vão desde à morte de centenas de pessoas e até aos danos ambientais (flora, fauna e dos mananciais daquela região atingida) pela catástrofe em janeiro deste ano. E as falhas são decorrentes nestes aspectos que dependem muito da fiscalização e da elaboração de leis de proteção e de execução de projetos de barragens no Brasil.

 

E para agravar ainda mais esta triste realidade ocorreu outra grande tragédia que foi a do incêndio no Centro de Treinamento - CT do Flamengo, no Rio de Janeiro (RJ) - tragédia esta que vitimou dez jovens que tinham sonhos a realizar e que tiveram suas vidas ceifadas de forma trágica dentro de containers - caixa construída de aço; alumínio ou fibra e cujo material foi projetado para o transporte de mercadorias: marítimo; terrestre ou aéreo. Com o advento de utilizar-se containers de forma sustentável em vários países como exemplo no Brasil, faltou antes de tudo averiguar as condições ideais para sua utilização como forma de abrigar pessoas, ou seja, como moradia ou até mesmo alojamento mesmo que temporário. Aspectos importantes como desde licenças; fiscalização; instalações adequadas em termos de segurança, enfim; toda o conjunto necessário para se evitar novas tragédias como as que tem sido registrados no Brasil desde há muitos anos e sucessivamente repetindo-se, infelizmente.

 

Mas, as tragédias no Brasil abrangem outras áreas a começar pela incompetência política- administrativas em todo o país. Roubalheira do dinheiro público e que resulta na matança indireta de milhões de pessoas por ano devido aos recursos financeiros que faltam em áreas essenciais : Saúde, Segurança Pública; Moradia e Educação, por exemplo. Milhões de casas em áreas de riscos onde desabamentos constantes ocorrem e deixando um rastro de destruições e vítimas. Milhões de pessoas morrendo nas filas de espera por uma cirurgia. Outros milhares por falta do acesso a medicamentos especiais e de urgência; bem como; milhares de outras pessoas sendo vítimas de ações de bandidos; quadrilhas e de organizações criminosas. E somados a isto tudo está a incompetência política de muitos parlamentares, seja no executivo ou legislativos por este país. E tem ainda a alta de legislação mais dura para com estes grupos mafiosos e ladrões do dinheiro público no país.

 

Daí, surgem os grandes e eminentes riscos de tragédias como as ocorridas em barragens de rejeitos de minérios ou mesmo barragens hidrelétricas; bem como, tragédias outras no Brasil onde as investigações sobre as causas ou até mesmo punições de responsáveis, tornam-se algo muito distantes; infelizmente. E a justiça ? Bem, a justiça no Brasil..... hummmm, aos poucos começa acordar para esta triste realidade que está consumindo com as esperanças de milhões de cidadãos brasileiros e daqueles outros cidadãos que escolhem o Brasil vai almejar uma vida mais digna, uma vida mais segura e promissora. Algo que tem sido benéfica para uma minoria que utilizam os mecanismos mais permissivos, cruéis, fraudulentos e criminosos para e conluio alcançar riquezas como as que se tem mostrado em centenas de investigações contra mafiosos e corruptos no Brasil. Ainda há de se avançar e muito no combate a corrupção no Brasil, pois o que há de espertalhões ainda soltos neste país é algo que poderá levar décadas para puni-los- isto se ainda muitos deles estiverem vivos. Ao contrário, caberá apenas a Justiça bloquear o espólio destes mafiosos e quadrilheiros, objetivando devolução do dinheiro retirado de forma ilícita dos cofres públicos do Brasil.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2019 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar