Sábado, 24 de Junho de 2017
Lula; Dilma (PT) e Temer (PMDB) - o "Triplex" num presídio federal
STF manda ao juiz federal Sérgio Moro processo sobre Caixa 2 de Dilma e Temer. Os dois poderão serem presos assim como Lula
12/05/2017 | 19:10
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Três mafiosos líderes de quadrilhas dentro e fora do PT e PMDB; Dilma Roussef e Lula (PT), assim como Michel Temer (PMDB); líderes da base política e partidária dos governos Lula; Dilma (PT) e agora Temer (PMDB); poderão ambos serem presos diante do escandaloso esquema descoberto pela Polícia Federal (PF) e Ministério Público Federal (MPF). Trata-se dos desvios bilionários de recursos públicos em forma de propinas; lavagem de dinheiro; formação de quadrilha; Caixa 2 de campanhas políticas, dentre outras práticas ilícitas. O Supremo Tribunal Federal (STF), encaminhou nesta semana ao Juiz Federal Sérgio Moro; o processo contra a ex-presidente da República Dilma Rousseff (PT), sobre práticas ilícitas e com destaque aos desvios milionários e prática de Caixa 2 de campanhas políticas.

 

Sérgio Moro coordena os trabalhos investigatórios e o processo na Operação Lava Jato, que apura roubos bilionários da Petrobras e no último dia 10, quarta-feira, ouviu em depoimento o mafioso ex-Presidente da República Luís Inácio Lula da Silva (PT). As delações premiadas dos marqueteiros João Santana e Mônica Moura envolvem figuras políticas bastante conhecidas como Marta Suplicy ( ex PT e hoje no PMDB); Delcídio Amaral (PT); João Vaccari Neto (PT); Fernando Pimentel (PT); Gleyse Hoffmann e o marido dela Paulo Bernardo (PT); dentre outras pessoas investigadas neste processo que passou pelo STF e chega ao Juiz Federal Sérgio Moro, em Curitiba (PR). Para a imprensa, a maioria dos que se pronunciaram disseram não haverem praticados nenhuma irregularidade. É o que a Justiça Federal vai verificar, já que alguns dos mafiosos investigados nesta operação da Polícia Federal já estão presos na carceragem federal em Curitiba (PR). Outros após serem presos e logo soltos estão utilizando tornozeleiras eletrônicas e sendo monitorados pela Polícia Federal.

 

E nesta semana, estourou novo escândalo - já esperado que envolve empréstimos bilionários com irregularidades constatadas pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal e que culminou com prisões de várias pessoas envolvidas neste escândalo que tem como centro da questão o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social - BNDES e a empresa JBS.


" Triplex " para Lula; Dilma e Temer em presídio federal

O TSE- Tribunal Superior Eleitoral assim como o Supremo Tribunal Eleitoral - STF e a Justiça Federal poderão considerar nula a chapa presidencial de Dilma (PT) e Temer (PMDB). Dilma já sofreu o Impeachment e agora, será a vez do atual presidente, o mafioso Michel Temer (PMDB), passar pelo mesmo processo de cassação do mandato presidencial. As delações do casal de marqueteiros à Justiça Federal nesta semana foi esclarecedora ampliou ainda mais o volume de desvios milionários em forma de Caixa 2 de campanhas políticas dentro e fora do Brasil. As empreiteiras Odebrecht; OAS e Andrade Gutierrez estão no centro deste novo evento de delações premiadas feitas durante esta semana ao Supremo Tribunal Federal - STF por parte dos marqueteiros de campanhas políticas Mônica Moura e João Santana . Lula; Dilma e Temer, poderão inaugurar uma espécie de "triplex" no presídio federal e assim o Brasil mostrar ao restante do mundo que se é possível dar os primeiros passos rumo ao combate efetivo, eficaz e fazer justiça levando mafiosos para a prisão. Afinal, o Brasil passa pela pior crise da história devido a esta roubalheira do dinheiro público - dinheiro do povo deste país chamado: Brasil.


Desgraça que a máfia provoca contra milhões de brasileiros

São mais de 15 milhões de pessoas desempregadas sem mínimas condições dignas de vida; sem possibilidades de levar à mesa diariamente um alimento a altura das necessidades básicas; sem condições de pagar aluguéis e adquirir muitas vezes medicamentos quando necessários à saúde; sem condições de pagar transporte e ou obter o lazer. Tudo isto graças às ações mafiosas de quadrilhas políticas que deveriam ao contrário da práticas de roubos milionários dos cofres públicos; manter sim; trabalho de defesa dos direitos de milhões de cidadãos deste país. As direções políticas dentro do PT; PMDB; PSDB;PP;PDT;PCdoB;PR; PROs; PSB; PSD; PTB e de muitas outras siglas partidárias, sequer são capazes de expulsarem os próprios mafiosos, ladrões do dinheiro público que estão infiltrados nestas siglas partidárias e mantendo fortes influências de decisão dos rumos destas verdadeiras e absurdas práticas criminosas que prejudicam profundamente milhões de pessoas que vivem no Brasil.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2017 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar