Segunda-Feira, 28 de Maio de 2018
Aposentadorias vitalícias de ex-governadores são um absurdo
Campanha em Santa Catarina coleta assinaturas contra aposentadorias de ex-governadores
21/06/2017 | 20:40
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Uma campanha virtual lançada na última quarta-feira (21), pelo deputado estadual catarinense Padre Pedro Baldissera,(PT), busca o apoio da população para a aprovação do Projeto de Emenda Constitucional (PEC) de 03/2011, que acaba com as aposentadorias vitalícias dos ex-governadores no Estado. Para participar da campanha, basta acessar o link:

 

www.padrepedro.com.br/abaixo_ assinado, preencher nome, e-mail(opcional), município e estado. O objetivo é reunir o maior número de possível de pessoas favorável à aprovação do projeto. O material será apresentado no dia da votação em plenário da Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (Alesc).

 

A PEC foi apresentada por Padre Pedro há seis anos, já passou pela Comissão de Constituição e Justiça e segue em análise na Comissão de Finanças. A previsão é de que a matéria siga para o plenário nas próximas semanas.
O parlamentar explica que, em uma campanha realizada em 2009, já foram coletadas mais de 30 mil assinaturas apoiando o fim das aposentadorias vitalícias. O material foi enviado ao Supremo Tribunal Federal (STF) e solicitava a votação da ação que pode acabar com o benefício em todo País. “Desde 2006, quando ingressei na justiça pela primeira vez, já foram gastos com salários vitalícios mais de R$ 40 milhões em Santa Catarina”, explica Padre Pedro.

 

Artigo 195 garante pagamento de aposentadoria

O projeto apresentado pelo deputado estadual Padre Pedro (PT),retira da Constituição o artigo 195, que prevê o pagamento de um salário vitalício mensal a todos ex-governadores. O parlamentar já havia ingressado na justiça em 2006 e 2007, com ações populares questionando a legalidade do benefício. As ações tramitam até hoje.

 

Atualmente 16 estados pagam aposentadorias a ex-governadores, mas o caso catarinense é um dos mais questionados, pelo valor do benefício (R$ 30,4 mil) representar o dobro do salário do governador em exercício. Além disso, mesmo que fique no cargo por um mês, terá acesso ao benefício.
Oito ex-governadores e três viúvas recebem atualmente, somando R$ 288 mil mensais de despesa aos cofres públicos. O total em um ano é de R$ 3,7 milhões.

 

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2018 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar