Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017
Prefeitura de Lages (SC), quase compra móveis superfaturados, não fosse uma denúncia
Pregão para licitação realizada pela Prefeitura de Lages (SC), pagaria a mais cerca de R$ 80 mil em compras de móveis superfaturados
17/07/2017 | 23:16
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Não fosse uma denúncia do Observatório Social em Lages (SC), a prefeitura através de um pregão eletrônico pagaria a mais cerca de R$ 80 mil para aquisição de cadeiras; banquetas e mesas (móveis) destinados ao Centro Unificado de Esportes e Artes deste município localizado no Planalto Catarinense.P


Parase ter uma ideia de diferença de valor, basta destacar que uma banqueta que custa normalmente R$ 285 estava sendo adquirida por R$ 2.069 cada uma e uma cadeira estofada de apenas R$ 185 cada, no pregão constava o valor de R$ 765 reais cada. Após a denúncia vir à público, a prefeitura destacou à Imprensa que irá realizar uma nova licitação.

 

O Observatório Social de Lages (SC), é um dos exemplos que deve ser seguido por todos os municípios e estados do Brasil. Diante da roubalheira bilionária do dinheiro público e dos constantes escândalos de corrupção que estão vindo à tona diante dos olhos da sociedade brasileira; a fiscalização e punição rigorosa por parte do Judiciário e da Polícia seja ela Federal ou Estaduais e municipais; devem conjuntamente permanecerem atentos neste combate eficaz contra a corrupção no país.

 

O Observatório Social de Lages é uma entidade não governamental sem vínculo político partidário e tão pouco ligado à órgãos públicos e tem finalidade de atuar no controle social e fiscal, além de promover a educação fiscal junto a comunidade (escolas e entidades afins). O Observatório Social é presidido atualmente por Fabiano Ventura.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2017 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar