Segunda-Feira, 19 de Novembro de 2018
MPF pede prisão de irmão do ex-governador do Paraná que adquiriu imóvel em SC com dinheiro de propina
MPF pediu prisão de José Richa Filho - irmão do ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB), que também foi parar na prisão dias atrás. Imóvel em SC teria sido pago com dinheiro de propina
28/09/2018 | 0:40
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

O Ministério Público Federal (MPF), deflagrou a 55a fase da Operação Lava Jato e que levou para a prisão José Richa Filho - irmão do ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB), que juntamente com a esposa dele Fernanda Richa e mais outras pessoas foram dias atrás parar na prisão.

 

Segundo as investigações realizadas pela Polícia Federal (PF) e o Ministério Público Federal (MPF), José Richa Filho teria usado dinheiro oriundo de propina para pagar um imóvel em Balneário Camboriú (SC). José Richa Filho (Pepe), foi secretário de estado de Infraestrutura e Logística no Paraná na gestão tucana. A prisão dele é temporária de acordo com o MPF.

 

Esta nova fase da Operação da Lava Jato investigou uma série de atos ilícitos relacionados a concessão de rodovias que integram o chamado Anel Viário no Paraná. Investigações apontam que concessionárias pagavam propinas a agentes públicos visando favorecimentos das empresas envolvidas neste escândalo de corrupção. Dentre os crimes havia superfaturamentos abusivos em que o excedente era destinado à distribuição de propinas entre os envolvidos no esquema criminoso contra o erário público no Paraná. O ex-governador Beto Richa (PSDB), foi preso e solto dias após e deverá responder à Justiça em liberdade.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2018 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar