Terça-Feira, 26 de Março de 2019
BNDES e a Caixa-preta assustadora a ser aberta. É o que Bolsonaro (PSL) exigirá assim que assumir governo
BNDES terá que abria sua caixa preta que pode ser assustadora - pior do que a Lava Jato. Presidente eleito Bolsonaro já disse quer abri -la
29/11/2018 | 9:23
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Pudera. O BNDES que em governos principalmente do PT sob gestão do ex-presidente Lula e de Dilma Rousseff, fizeram do BNDES assim como ocorreu com a Petrobras - uma espécie de mina de recursos financeiros para bancar esquemas fraudulentos, criminosos dentro e fora do Brasil. Países como Angola; Cuba; Venezuela; Nicarágua; Moçambique e muitos outros que obtiveram bilhões do BNDES sem que sequer apresentassem condições de honrar os compromissos financeiros obtidos com ajuda destes ex-presidentes do Brasil. Uma máfia capaz de dilacerar os recursos financeiros do Brasil e que através de propinas milionárias; gradativamente estavam colocando o Brasil no fundo do poço, numa crise sem precedentes na história deste país. O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), já admitiu que deseja e vai exigir a abertura da "caixa-preta " do BNDES.

 

Certamente, há algo estarrecedor dentro desta banco e que perto da Operação Lava Jato da Petrobras deve colocar a Lava Jato em patamares abaixo do que poderá surgir no âmbito das supostas e imensas irregularidades no BNDES que até 2015 mantinha sigilo sobre todas as operações financeiras bilionárias. Empresas no Brasil como Odebrecht; JBS; das empresas do ex-bilionário mafioso e corrupto Eike Batista e muitos outros haverão de constar nas futuras investigações após aberta a chamada "caixa-preta " do BNDES, segundo almeja o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL). Em 2014, o BNDES registrava 1.130.202 operações financeiras; 277.085 clientes e com R$ liberação de 187,8 bilhões. Em governos petistas há suspeitas de que ocorrera liberação de mais de R$ 500 bilhões. Somente no governo de Dilma (PT), foram liberados cerca de R$ 33 bilhões para cinco aliados. Dinheiro que saiu do BNDES, mas que de retorno somente uma ampla investigação poderá elucidá-lo.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2019 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar