Terça-Feira, 26 de Janeiro de 2021
Ex- Juiz Federal, o ex- coordenador da Lava- Jato Sérgio Moro é contratado por empresa que atua na recuperação judicial da Odebrecht
Ex- juiz federal, o ex- coordenador da Lava - Jato Sérgio Moro é contratado por empresa que atua na recuperação judicial da Odebrecht
30/11/2020 | 20:29
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

A empresa de consultoria Global de Gestão de Empresas Alvarez & Marsal, administradora do processo de recuperação judicial da empreiteira Odebrecht ; anunciou no domingo (29), a contratação do ex- juiz federal e que foi coordenador da maior operação de combate a corrupção no Brasil- a Lava-Jato Sérgio Fernando Moro. A empresa de consultoria Alvarez & Marsal desenvolve consultoria para a Odebrecht visando a recuperação judicial.

 

A Odebrecht foi uma das maiores empreiteiras envolvidas no esquema criminoso e fraudulento de desvios públicos financeiros e que listou em planilhas investigadas pela Polícia Federal (PF) e pelo Ministério Público Federal (MPF); inúmeros pagamentos de propinas milionárias para centenas de políticos mafiosos e corruptos; além de desviar de forma criminosa dezenas de bilhões dos cofres públicos brasileiros conforma apurado pelas investigações através da Operação Lava-Jato junto, inclusive a Petrobras e outros esquemas fraudulentos na obtenção de recursos junto ao BNDES.

 

Sérgio Moro, vai atuar na sede da empresa de consultoria estadunidense Alvarez & Marsal, em São Paulo (SP); como sócio-diretor, segundo anunciou em seu site a Alvarez & Marsal. Moro vai atuar na área de " Disputas e investigações ". Moro à imprensa nega conflitos de interesses. Uma coisa é certa: Sérgio Moro, certamente deverá realizar um desempenho assim como o fez ao longo dos trabalhos processuais em termos da Operação Lava-Jato, em Curitiba (PR). Moro continua a missão de combate a corrupção no Brasil, pelo menos é o que se espera daqui em diante nesta nova sua missão.

 

Sérgio Moro e o novo desafio: ajudar a defender a Odebrecht e outras empresas envolvidas em esquemas criminosos

E desta vez, agora, ao lado como parceiro sócio da Alvarez & Marsal, terá outro desafio daqui em diante de continuar certamente combatendo a corrupção. Moro ainda mais agora prestando serviços justamente para uma das empreiteiras apontadas na Lava - Jato como uma das mais corruptas e aliadas de mafiosos e corruptos no país, incluindo até no exterior como apontaram as investigações durante a Lava-Jato. Um trunfo maior para a Odebrecht que numa tacada só tem a chance daqui em diante de evitar cometer os mesmos graves erros de um passado recente e que manchou a história não somente da Odebrecht como de vários de seus ex-diretores, inclusive alguns familiares ligados a empresa como apontaram as investigações na Lava-Jato. A Odebrecht com o escândalo na Lava - Jato; acabou de comprometer o desenvolvimento social e econômico de milhares de pessoas, sejam elas direta ou indiretamente prejudicadas face ao que ocorrera com os desdobramentos desde o início da Lava Jato.

 

A Polícia Federal (PF) e o Ministério Público Federal (MPF), apontaram nas investigações várias empresas corruptas e mafiosas além de centenas de políticos mafiosos e corruptos que provocaram desvios milionários, bilionários aos cofres públicos. Sequer poucos dos mafiosos e corruptos foram parar na prisão - graças à concessões de dezenas de habeas corpus a mafiosos e corruptos. Habeas Corpus (H.c), concedidos por parte tanto do STF quanto do STJ, bem como ainda; travamento do andamento de processos na esfera do STF ; STJ e na Procuradoria-Geral da República (PGR), que juntos acabam dando proteção momentânea para muitos destes mafiosos e corruptos que aguardam decisão final da Justiça em relação aos processos; sejam eles por lavagem de dinheiro; corrupção ativa e corrupção passiva; caixa dois de campanha política; fraudes licitatórias e organização criminosa, dentre outros atos ilícitos.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2021 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar