Terça-Feira, 15 de Junho de 2021
China decreta pena de morte ao mega empresário Lai Xiaomin por corrupção e o bilionário Jack Man está sumido
05/01/2021 | 19:55
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Dois casos emblemáticos nesta virada de ano na China. A justiça chinesa chinesa decretou a pena de morte ao ex-presidente de um dos maiores conglomerados financeiros da China, Lai Xiaomin por crimes de corrupção e bigamia. O empresário Lai Xiaomin foi acusado por ter recebido em propinas US$ 260 milhões de dólares. A decisão de decretar pena de morte ocorreu na terça-feira (05). Enquanto isto, quem está sumido é o bilionário chinês Jack Ma dono da gigante E-commerce Alibaba Group. Jack Ma está sumido desde o último sábado (02) e especula-se que Jack Ma esteja na África, mas não se sabe sobre o desaparecimento do bilionário chinês que possui o monopólio no setor e que é acusado de práticas " antitruste " - ( cartéis monopolísticos ); e por onde o empresário vem sendo investigado por autoridades da China desde 2019. Na China penas por atos de corrupção, sonegação fiscal por exemplo podem pegar desde mais de 18 anos de prisão, até à pena de morte como ocorreu com o mega empresário Lai Xiaomin.

 

Na China pena de morte para corruptos e mafiosos. No Brasil até concessões de H.c facilitam à máfia

Bem ao contrário no Brasil, muitos mafiosos e corruptos chegam ao ponto de receber concessões monocráticas por parte do Supremo Tribunal Federal (STF) e até do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), de habeas corpus para quem através de prisão domiciliar possam assim; muitos corruptos e mafiosos; desfrutarem do bem-estar por longos anos sem serem incomodados pela Justiça em relação à decisão final dos processos judiciais pelos quais enfrentam por desvios bilionários dos cofres públicos neste país. Daí, onde se encontra o Brasil no caos social, econômico e de desenvolvimento - atrasado e com uma população maioria pobre, vivendo sob condições de sobrevivência das mais cruéis, sem alimentos; sem moradia digna e com falta de serviços essenciais ( saúde; saneamento básico; educação; habitação; cultura e lazer e sem renda financeira ). O Brasil enfrenta um desemprego sem precedentes na história com mais de 20 milhões de pessoas desempregadas e outras mais de 45 milhões no sub emprego. Por outro lado, as benesses para classes privilegiadas como na área política e jurídica, vão desde auxílios - moradia; reajustes salariais com índices bem elevados anualmente; dentre outros benefícios como bons planos de saúde e praticamente tudo pago com recursos públicos.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2021 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar