Segunda-Feira, 23 de Outubro de 2017
STF manda soltar mafioso Eike Batista. Ineficiência do STF
Preso na Operação " Eficiência " na Lava Jato, o mafioso e corrupto Eike Batista é solto por decisão ineficiente do STF
11/10/2017 | 3:03
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

A máfia no Brasil  mostra orça e dominação e o Supremo Tribunal Federal (STF), cede soltando da prisão e da mansão domiciliar o mafioso e corrupto empresário Eike Batista. Foi na terça-feira (10), quando por decisão unânime da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu soltar da prisão domiciliar o mafioso  e corrupto Eike Batista, preso em abril deste ano pela Polícia Federal  (PF) e Ministério Público Federal (MPF). Eike Batista é condenado por crimes de corrupção; lavagem de dinheiro e organização criminosa.

 

Esta decisão do STF é uma vergonha nacional - mais uma de tantas diante de solturas de corruptos e mafiosos que desviaram bilhões dos cofres públicos do país. Eike Batista terá diante desta decisão vergonhosa do STF apenas recolher-se para a mansão durante período noturno e fica impedido de sair do Brasil. Eike Batista é réu na operação Lava Jato. 

 

Segundo as investigações da Polícia Federal (PF) e do Ministério Público Federal (MPF);  Eike Batista teria pago US$ 16,5 milhões de dólares em propinas para o então  mafioso e corrupto ex-governador do Rio de Janeiro (RJ) Sérgio Cabral (PMDB)- um dos principais líderes peemedebistas no país e aliados de governos desde Dilma Rousseff e Lula (PT) e do atual Michel Temer (PMDB), ambos líderes mafiosos e corruptos do país. 

 

Sérgio Cabral (PMDB), está preso na carceragem no Rio de Janeiro e deverá permanecer na cadeia por dezenas de anos por prática de corrupção; lavagem de dinheiro; organização criminosa, dentre outros crimes como falsidade ideológica.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2017 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar