Terça-Feira, 25 de Junho de 2019
Prefeitura de Itajaí (SC) gasta quase meio milhão com palestras e provoca polêmica
Prefeitura de Itajaí (SC), pagou quase meio milhão para palestrante e vereador denuncia o caso pode ser investigado
05/04/2019 | 14:29
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

O prefeito de Itajaí (SC); o ex-petista Volnei Morastoni autorizou gastos de quase meio milhão de reais para pagar palestrante à servidores municipais deste município do litoral catarinense. A denúncia feita pelo vereador Robson Coelho, foi levantada na sessão da Câmara Municipal de Itajaí (SC) e provocou indignação junto a boa parte da comunidade em Itajaí (SC).

 

Os gastos de quase meio milhão de reais, ou seja, R$ 450 mil para pagar palestra do diretor do Instituto Albuquerque de Cursos e Assessoria, do diretor deste instituto Jamil Albuquerque, poderá ser investigada apesar segundo o vereador ser uma contratação legal, porém, " imoral ", segundo o vereador que critica o prefeito Volnei Morastoni por não optar por outras prioridades importantíssimas para a comunidade como exemplo, citando a aquisição necessária e urgente de novos uniformes para alunos e de bolsas de estudos para muitos universitários de Itajaí (SC).

 

Além disto, Itajaí enfrenta uma crise na área da Saúde dentre outras prioridades à comunidade. O vereador Robson Coelho destacou à Imprensa que são três e não apenas um contrato com o palestrante e que os gastos ultrapassam R$ 1 milhão de reais. Há informações de que segundo o palestrante Jamil Albuquerque são 30 palestras e não apenas uma palestra. Convenhamos: haja palestras para servidores municipais em Itajaí (SC). O palestrante Jamil Albuquerque segundo informações é amigo pessoal do prefeito Volnei Morastoni.

 

Neste quesito de palestras o Brasil conviveu recente contradições em alguns segmentos políticos envolvendo casos como do ex-ministro Antônio Palocci com cerca de R$ 50 milhões obtidos em palestras e do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, ambos do PT com outras centenas de milhões obtidos por palestras - sendo que maioria delas sequer chegaram ocorrer dentro e fora do país. Os dois petistas foram por estas e outras razões parar na prisão.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2019 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar