Quinta-feira, 05 de Dezembro de 2019
Palestras milionárias dos mafiosos Lula e Palocci, (PT); na mira da PF e do Coaf e as dos ministros de Cortes Superiores da Justiça, como ficam ?
Palestras rendem milhões à palestrantes: Lula e Palocci (PT); além de ministros de Cortes Superiores e até Procuradores faturam até com empresas investigadas na Lava jato
28/07/2019 | 10:21
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Seria a "mosca azul" que envolveu o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o ex-ministro da Casa Civil Antonio Palocci (PT), em relação ao esquema de palestras remuneradas ministradas que renderam dezenas de milhões a estes dois mafiosos e corruptos e onde por exemplo empresas como a Odebrecht foi patrocinadora de Lula com R$ 4 milhões para pagamento de despesas de viagens de Lula ao exterior a fim de ministrar tais palestras ?

 

E como ficam as palestras remuneradas ministradas pelo ministro do STF Gilmar Mendes que é sócio fundador do Instituto IDP e de alguns outros ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), além de alguns procuradores da República como no caso de Deltan Dallagnol e do juiz federal e agora Ministro de Justiça e Segurança Pública Sergio Moro ? Deltan Dallagnol chegou a ministrar palestra para a empresa envolvida na Lava Jato - a Neoway, com sede em Florianópolis (SC), e que atua na área de Tecnologia e Informação.

 

Palestra esta no valor de R$ 33 mil para pela empresa Neoway ao procurador da República Deltan Dallagnol e que foi realizada em março do ano passado. E com receio de poder ser visto e compreendido como suspeito de relação com a Neoway, outros procuradores assim como Deltan suspenderam e se afastaram do caso em não ministrar mais nenhuma palestra a quaisquer empresa vinculada às investigações seja na Lava jato ou de outras investigações e operações em andamento no combate à corrupção no Brasil.

 

Lula (PT) obteve mais de R$ 52,3 milhões em palestras. Palocci (PT) R$ 185 milhões e ministros de Corte Superiores quanto ?

E como destacou já em 2017 numa reportagem da Folha de S. Paulo em que destacava " Ministros de Corte Superiores calam sobre palestras pagas ". O mistério continua para alguns destes casos em que ministrar palestras dentro e fora do Brasil; tornou-se uma das opções mais exuberantes para angariar mais recursos financeiros e engordar as contas bancárias já bastante saudáveis diante de bons rendimentos salariais por parte de membros das Cortes Superiores como principalmente do STF e do STJ.

 

O ministro do STF Gilmar Mendes- sócio fundador do Instituto IDP, é um dos que mais ministra palestras no Brasil e no exterior como nos Estados Unidos; Portugal; Hungria, dentre outros países principalmente da Europa ).Em média uma palestra de Gilmar Mendes atinge cifra superior a R$ 60 mil reais. Foi o caso de uma delas realizadas no Maranhão onde o governador deste estado, Flavio Dino (PCdoB), pagou R$ 60.670,00 para Gilmar Mendes ministrar uma palestra intitulada " Aperfeiçoamento e Atualização nos Fundamentos e Procedimentos da Administração Pública ", realizada em 02 de setembro de 2017, em São Luiz (Maranhão).

 

Além disto o Instituto de Gilmar Mendes (IDP), juntamente com o governo do Maranhão, assinaram contrato no valor de R$ 1,4 milhão com a Faculdade pelo qual o ministro Gilmar Mendes (STF) é sócio-fundador. E diante destas amplitudes de ciclos de palestras por parte de ministros de Cortes Superiores da Justiça somente agora após riscos eminentes de proximidade com empresas envolvidas em corrupção e sendo investigadas é que o Conselho do Ministério Público Federal (MPF), vai apurar se procuradores como Deltan e Pozzobom dentre outros utilizaram cargos para fazer palestras.

 

O Coaf - Conselho de Atividades Financeiras possui um amplo trabalho investigatório, parte disto continua sendo mantido em sigilo. A devassa visa levantar movimentações financeiras consideráveis e suspeitas de irregularidades. O ex-presidente da República, o mafioso e corrupto Luiz Inácio Lula da Silva (PT, cujo Instituto que leva o nome deste mafioso que fez diversas palestras durante quatro anos e que recebeu um total de mais de R$ 52,3 milhões sendo que o relatório do Coaf ( Conselho de Atividades Financeiras) -subordinado ao Ministério da Fazendo, constatou repasse de R$ 27 milhões (01/04/2011) e uma transferência de R$ 25,3 milhões ( 31/05/2015).

 

Assim como Lula, o ex-ministro da Casa Civil Antonio Palocci (PT), preso na Lava Jato obteve mais de R$ 185 milhões através da empresa dele de consultorias e palestras. O Coaf examinou inúmeras movimentações e continua examinando-as. Para ter-se ideia deste trabalho somente contra pessoas ligadas ao PT foram examinadas 103 pessoas e outras 188 empresas ligadas ao PT. Agora, imagina-se o restante contra integrantes de outros partidos como do PP; PSDB; PSD; MDB que teve uma leva grande enorme de mafiosos e corruptos que subtraíram centenas de milhões dos cofres públicos e promoveram imensa lavagem de dinheiro.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2019 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar