Sábado, 23 de Janeiro de 2021
Protestos no Brasil repudiam o racismo e a barbárie que vitimou João Alberto no Carrefour em Porto Alegre (RS)
23/11/2020 | 19:17
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Foram vários atos populares ocorridos nestes últimos dias, logo após ocorrer o ato criminoso que vitimou o cliente do Carrefour, em Porto Alegre (RS), João Alberto Silveira Freitas, 40 anos. O crime ocorreu na noite de quinta-feira, dia 19, no Carrefour, em Porto Alegre (RS), quando dois seguranças que prestam serviços terceirizados ao Carrefour, acompanharam o cliente desde a saída de um dos caixas deste supermercado até a porta de saída do estacionamento e onde após João Alberto desferir um soco num dos seguranças, começou em seguida os atos de agressões físicas de forma exagerada por parte dos seguranças contra João Alberto que imobilizado e caído no chão acabou indo a óbito no local. As cenas gravadas estão repercutindo desde então nas redes sociais e também mostradas pela Imprensa. A Polícia investiga o caso a fim de apurar as responsabilidades.

 

Os atos de protestos e manifestações populares contra o racismo ocorrem em várias regiões do país, principalmente nas capitais brasileira desde sexta-feira (20). A morte de João Alberto ocorreu na véspera do Dia da Consciência Negra e reabre o debate não somente nacional, porém mundial sobre à importância fundamental em busca em defesa da igualdade racial.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2021 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar