Sábado, 17 de Novembro de 2018
CONMEBOL desmoralizada ao validar gol de mão que o próprio jogador Borré do River confirmou em rede social
CONMEBOL arranha credibilidade ao negar recurso do Grêmio e ao validar gol de mão que Borré afirmou após jogo : " .. De la mano de Dios "
04/11/2018 | 11:44
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

CONMEBOL negou no sábado (3), na sede no Paraguai; o recurso apresentado pelo Grêmio que comprovou o gol irregular em que o atacante do River Plate, Borré fez com a mão na semifinal contra o Grêmio, em Porto Alegre (RS), na terça-feira (6), em jogo de volta da semifinal da Taça Libertadores/2018.

 

O Grêmio entrou com recurso na CONMEBOL que julgou no sábado (3), negando este recurso e favorecendo o River Plate que enfrenta na final o Boca Juniors na decisão da Taça Libertadores da América/2018, em Buenos Aires (Argentina). A CONMEBOL poderá ser a partir desta decisão; amplamente investigada assim como ocorreu com a FIFA no caso FIFAGATE e que resultou na prisão de vários dirigentes mafiosos e corruptos.

 

Há supostas e graves irregularidades dentro da CONMEBOL - Confederação Sul-Americana de Futebol que organiza a Taça Libertadores da América. O próprio jogador do River Plate , Borré disse em sua rede social " Vamos equipo. todos juntos.De mano de Dios ". Até domingo (4), havia sido registrado mais de 77.628 curtidas.


CONMEBOL assemelhando-se ao caso FIFAGATE

Diante das graves irregularidades ocorridas como a deste jogo entre o Grêmio X River Plate; onde o técnico do River Plate Macelo Gallardo estava suspenso pela CONMEBOL e não poderia atuar neste jogo; mas acabou com sua conduta utilizando desde rádio comunicadores e até indo ao vestiário falar diretamente com os jogadores momentos antes deste confronto contra o Grêmio, na Arena, em Porto Alegre (RS).

 

As irregularidades gravíssimas ocorridas durante o jogo entre Grêmio x River em que o atacante Rafael Santos Borré, fez com a bola tocando em seu braço escorregando até a mão e sendo validado este gol mesmo diante após o árbitro deste jogo, o uruguaio Andrés Cunha ter assistido em seguida o árbitro de vídeo (VAR), mostrando esta irregularidade. Porém, sendo confirmado o gol por Andrés Cunha.

 

Está aí apontado a gravidade com que más condutas dentro e fora deste jogo entre Grêmio x River Plate; pode a partir deste exemplo colocar em dúvida a credibilidade da CONMEBOL. Jornais de vários países, incluindo da Europa criticaram as irregularidades deste jogo entre Grêmio X River e também quanto à utilização do VAR que comprova de que para nada serve este sistema VAR à não ser unicamente provocar ainda mais dúvidas e polêmicas, além de comprometer instituições como das que organizam campeonatos e torneios do nível como a da Taça Libertadores da América.

 

A CONMEBOL está sob enorme suspeição assim como o que ocorreu com a FIFA no caso FIFAGATE que levou vários dirigentes à prisão por corrupção.

 

Não é de se estranhar que algo muito grave esteja também ocorrendo dentro e fora da CONMEBOL após estas gravíssimas ocorrências comprovadamente registradas seja elas por vídeos de monitoramentos na Arena em Porto Alegre (RS), pelo VAR e também da suspeita do árbitro Andrés Cunha que atuou de forma muito irresponsável diante de um jogo decisivo como a deste entre Grêmio X River pela semifinal da Taça Libertadores da América /2018.

 

Lamentável, mas que deverá haver sim investigações por parte da Justiça de ambos países envolvidos nesta competição; bem como, quebra de sigilo telefônico; etc.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2018 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar