Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Anel viário na mira da Justiça
CPI poderá desvendar mistérios que rondam a ANTT e Auto Pista Sul devido o atraso no projeto
17/05/2013 | 10:30
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Um pedido conjunto entre as prefeituras de Florianópolis; São José; Biguaçú e Palhoça, que integram a região da Grande Florianópolis, em Santa Catarina, visa o início de um forte movimento pró-cancelamento da licitação que a Agência Nacional de Transportes Terrrestres-ANTT e a empresa multinacional Auto Pista Sul.

 

Ambos, firmaram contrato em licitação para implantação do projeto do chamado contorno do Anel Viário que irá desafogar o tráfego de veículos na área urbana destes municípios da Grande Florianópolis,SC. Um pedido de instalação de uma Comissão Palamentar de Inquérito - CPI na Câmara Federal e no Senado Federal já está sendo estudado pelos prefeitos destes municípiso.

 

O objetivo é cancelar, ou seja, suspender a licitação para este projeto que está atrasado em seu cronograma oficial. A obra o Anel Viário deveria estar sendo iniciada.

 

Há suspeita de conluio entre a ANTT e a Auto Pista Sul e a sociedade catarinense, especialmente da Grande Florianópolis, precisam saber o que está de fato acontecendo diante deste atraso do projeto, declarou um dos prefeitos à Imprensa. O Anel Viário terá uma extensão de cerca de 48 quilômetros e ligará os dois extremos desviando da rodovia BR-101 entre Biguaçú e Palhoça,SC.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2017 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar