Segunda-Feira, 18 de Junho de 2018
Presidente Michel Temer concede indulto natalino para mafiosos presos na Lava Jato
Indulto natalino concedido pelo mafioso presidente Temer (PMDB) à mafiosos não é igual às saídas temporárias e sim extinção de penas
23/12/2017 | 22:45
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Uma decisão das mais vergonhosas e irresponsáveis na história política brasileira e que beneficia milhares de mafiosos, principalmente daqueles que foram presos em escândalos como do mensalão e da Lava Jato, dentre outros que registraram roubos bilionários dos cofres púbicos no Brasil.

 

O decreto assinado pelo presidente da República Michel Temer (PMDB), na última sexta-feira (22), antevéspera de Natal e de Ano Novo; denominado "Indulto Natalino" e que difere daquele concedido para muitos presos que saem alguns dias para passar o natal junto à família e depois retornam aos presídios para dar continuidade ao cumprimento da pena; o indulto natalino assinado pelo mafioso presidente da República Michel Temer (PMDB), provoca a extinção da pena - o que é algo muito grave, pois beneficiará muitos mafiosos e corruptos que estão presos e que cumpririam dezenas de anos na cadeia por prática de corrupção passiva; lavagem de dinheiro; falsidade ideológica; formação de quadrilha dentre outros graves crimes que provocaram danos bilionários ao país. O Indulto Natalino assinado por Michel Temer foi reprovado pelas Câmaras do Ministério Público Federal (MPF) e pela Polícia Federal além da Ordem dos Advogados do Brasil OAB.

 

Michel Temer (PMDB), mostra com o indulto natalino aliança com a máfia e quadrilhas deste país

O texto prevê a comutação de pena o que é algo extremamente grave quando visa beneficiar diretamente especialmente mafiosos e corruptos no Brasil. Por isto nos Estados Unidos, a lei e o rigor contra a corrupção é algo extremamente sério e que mostra como exemplo o caso recente em que Marin (ex-CBF) e Fifa, teve uma pena de 120 anos por prática de corrupção. E nos Estados Unidos, cumprimento de pena não é a que Michel Temer (PMDB), mostra quando assina um decreto vergonhoso como deste chamado " Indulto Natalino ".

 

Lamentável ! Perdão de pena para mafiosos e corruptos não é exemplo de um governo democrático, sério e, portanto, mostra claramente com esta decisão aliança profunda com a máfia instalada no Brasil há décadas e que agora sofre uma verdadeira bancarrota, sendo aos poucos desestruturada e desarticulada mesmo diante resistências como a que Michel Temer (PMDB), - que também é um dos líderes do quadrilhão do PMDB (agora MDB), e que, portanto; define por completo esta aliança mafiosa e corrupta e que prejudica toda a Nação brasileira, ouse ja, prejudica a grande maioria do povo brasileiro.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2018 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar