Sexta-feira, 14 de Dezembro de 2018
CGU utiliza tarja para encobrir corruptos envolvidos em processos e acaba advertido por ministro do TCU
Tarja é utilizada pela Controladoria-Geral da União -CGU para encobrir nomes envolvidos em processos por corrupção e ministro do TCU adverte
05/07/2018 | 1:05
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Mais um capítulo na história de combate a corrupção no Brasil e desta vez em que o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), Augusto Sherman fez advertências para que a Controladoria-Geral da União (CGU), se "abstenha " de fazê-lo.

 

O ministro do TCU Augusto Sherman é relator do processo que resultou em punição da nora do ex- Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, Marlene Lula da Silva que era funcionária fantasma do Sesi na época em que o Sesi tinha na presidência um amigo do ex- Presidente Lula (PT).

 

Sete nomes envolvidos neste processo que investiga atos ilícitos e que tramitam na Controladoria-Geral da União - CGU, possuem tarjas a fim de encobrir os nomes dos envolvidos em corrupção e o ministro do TCU reagiu cobrando transparência.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2018 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar