Quinta-feira, 24 de Janeiro de 2019
Presidente Temer (MDB) é denunciado pela PGR por corrupção passiva, ativa, lavagem de dinheiro e obstrução à Justiça
Presidente da República Michel Temer (MDB); é denunciado por crimes de corrupção passiva, ativa; lavagem de dinheiro e obstrução à Justiça. Temer (MDB), corre risco de prisão
22/12/2018 | 8:05
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

E a fila de corruptos e mafiosos indo parar na prisão poderá aumentar ao longo de 2019. Ocorre que a Procuradoria Geral da República (PGR), através da procuradora Raquel Dodge; denunciou o presidente da República Michel Temer (MDB), considerado nas investigações da Operação Lava Jato em delação premiada como sendo um dos "principais líderes do quadrilhão do PMDB- atualmente MDB).

 

Michel Temer (MDB), deveria estar presente na quinta-feira (20) - um dia após ser denunciado pela PGR, mas evitou marcar presença em ato público de inauguração de uma escola em Bombinhas (SC). Michel Temer (MDB), corre grande risco de ir parar na prisão a exemplo do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT), e de outras centenas de mafiosos e corruptos presos em várias operações investigatórias da Polícia Federal e do Ministério Público Federal.

 

Investigações estas que apontaram desvios bilionários dos cofres públicos somente nestes últimos pelo menos 20 anos. Agora, imaginamos o quanto de desvios financeiros dos cofres públicos ocorrera ao longo por exemplo dos último 40 anos neste país chamado: Brasil. Esta é a terceira denúncia contra o presidente da República Michel Temer (MDB).

 

Duas ocorreram no ano de 2017, mas a Câmara Federal onde nesta legislatura mais da metade responde a processos na Justiça por diversos atos ilícitos como desde uso de dinheiro em forma de arrecada por via Caixa 2 de campanhas políticas; corrupção; formação de quadrilha e lavagem de dinheiro.

 

A denuncia contra Temer (MDB), por parte da PGR no dia 19 de dezembro; refere-se ao decreto dos Portos ( Decreto número 9.048/2017), assinado em maio de 2018 por Michel Temer (MDB). À imprensa, o Palácio do Planalto informou em nota de que o presidente " irá provar nos autos sua inocência ".

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2019 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar