Quinta-feira, 05 de Dezembro de 2019
STF decide manter mafioso e corrupto ex-presidente Lula (PT) na prisão e julgamento do segundo Habeas Corpus é adiado
STF decide manter preso ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT). STF decide ainda adiar julgamento do segundo pedido de Habeas Corpus
26/06/2019 | 10:30
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

O Supremo Tribunal Federal (STF), através da Segunda Turma que pela primeira vez reuniu cinco de seus ministros a fim de julgar o pedido de habeas corpus contra corrupto e mafioso ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT); decidiu por ampla maioria de votos manter Lula preso na carceragem do prédio da sede da Polícia Federal (PF), em Curitiba (PR).

 

Lula está preso desde abril do ano passado e foi acusado de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do Triplex do Guarujá (SP). Um outro pedido de Habeas Corpus (h.c), ingressado pela defesa do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT), foi adiado por decisão da maioria dos ministros do STF ( Supremo Tribunal Federal), e neste caso; sobre a suspeição da atuação do ex-procurador da República e atual ministro de Justiça Sérgio Moro quando na atuação das investigações da Operação Lava Jato. A defesa do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT), dentre vários argumentos entende assim como Lula (PT), menciona que houve julgamento " parcial " contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e que provocou sua prisão ano passado.

 

Na decisão de adiamento deste segundo pedido de Habeas Corpus votaram contra o adiamento do mérito do H.c. os ministros Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski. Carmén Lúcia; Celso de Mello e Edson Fachin votaram favorável ao adiamento deste julgamento para somente após segundo semestre deste ano.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2019 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar