Sábado, 15 de Agosto de 2020
Alcatraz - A Operação da PF e do MPF poderá trazer fatos mais surpreendentes diante delações à Justiça. Uma delas já ocorreu
Operação Alcatraz em Santa Catarina poderá revelar novos fatos surpreendentes diante delações premiadas à Justiça. Uma já ocorreu
13/02/2020 | 12:28
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

A Operação Alcatraz deflagrada pela Polícia Federal (PF) e Ministério Público Federal (MPF), em Santa Catarina em 30 de maio de 2019, começa este ano de 2020 com etapa inicial de delações premiadas sendo que uma delas ocorreu na quarta-feira (12), através da advogada Michelle Oliveira Silva Guerra em depoimento para procuradores e delegados federais que acompanham esta Operação Alcatraz.

 

Detalhes foram revelados neste depoimento em que manifestou como funcionava o esquema criminoso relacionado a fraudes em contratos realizados pela secretaria de Estado da Administração do governo estadual durante a gestão do ex-governador Raimundo Colombo (PSD), bem como, a existência de um escritório de " fachada " para promover pagamentos de propinas a um grupo de pessoas e que as investigações da PF e do MPF resultou então na prisão em meados de 2019 de oito pessoas, incluindo a advogada Michele O.S. Guerra, que após em setembro daquele mesmo ano; Michelle O.S. Guerra ;recebeu por parte do Tribunal Regional Federal (TRF-4), de Porto Alegre,RS, a sua liberdade e imposições de algumas medidas cautelares por parte deste TRF-4.

 

O atual presidente da Assembleia Legislativa o Estado de Santa Catarina, deputado estadual Julio Garcia (PSD), é um dos investigados na Operação Alcatraz. Julio Garcia tem negado qualquer envolvimento no esquema criminoso investigado pela PF e MPF. O deputado e presidente da Alesc Julio Garcia é apontado como sendo o " sócio oculto " de empresa envolvido no esquema investigado e é um dos indicados pela Justiça.

 

Alcatraz que significa " Pássaros " que vivem na Ilha de Gannets - lugar lendário de uma prisão inescapável

Alacatraz ( significado de " Pássaros " ) - que vivem na Ilha de Gannets, onde este local lendário é considerado a ter a prisão inescapável, com segurança máxima onde os Estados Unidos mandavam prisioneiros mais perigosos daquela país. O depoimento de Michelle O.S. Guerra; foi anexado ao processo que tramita na Justiça Federal. A Operação Alcatraz, segundo investigações apontam uma série de práticas ilícitas como desde fraudes licitatórias; desvios de recursos públicos estaduais; bem como, pagamentos de propinas milionárias.

 

Houve durante a deflagração desta Operação Alcatraz, expedição de 11 mandados de prisão e 7 de prisão preventivas; além de buscas e apreensão em vários locais como em Florianópolis; Ituporanga; Antônio Carlos e São José, ambas cidades catarinenses, bem como, na cidade de Vinhedo (SP).

 

Ocorrendo novas delações à Justiça por parte dos envolvidos nesta Operação Alcatras; novos desdobramentos deverão revelar com profundidade como funcionava o esquema ilícito de membros que participaram desta organização criminosa de desvios de recursos públicos do governo do Estado de Santa Catarina, através da Secretaria de Administração e da Epagri.

 

O ex- secretário-adjunto da pasta de Administração na gestão do governo Raimundo Colombo (PSD); Nelson Castelo Branco Nappi também chegou ser preso nesta ação da PF e do MPF. Segundo as investigações da PF e do MPF, ele é apontado como sendo o " epicentro" deste esquema.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2020 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar