Sábado, 23 de Janeiro de 2021
Câmara deverá ter mafioso na presidência. Baleia Rossi (MDB), denunciado pelo MP e PGR ao STF. E Arthur Lira (PP-PB), também responde a processo na Justiça
Baleia Rossi (MDB), denunciado pelo MP e PGR ao STF. Foi citado em delação da JBS e Arthur Lita (PP-PB), também responde processo
11/01/2021 | 0:15
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

O deputado federal já no segundo mandato Baleia Rossi (MDB), filho do ex-ministro no governo Lula e de Dilma Rousseff (PT); Wagner Rossi - que chegou a ser preso por determinação do Supremo Tribunal Federal ( STF ); devido à inquérito do MPF que apurou ilicitudes quando do decreto que beneficiou o setor portuário - durante o governo de Michel Temer (MDB); apareceu em delação premiada da JBS.

 

Baleia Rossi (MDB) de São Paulo; apareceu em planilhas de pagamentos de propinas e caixa dois em esquemas tanto relacionados ao grupo J&F ( controlador da JBS); bem como; no esquema criminoso de desvios de recursos públicos da prefeitura de Ribeirão Preto (SP).

 

O Ministério Público (MP), assim como a Procuradoria-Geral da República (PGR), encaminharam documentos e mídias ao Supremo Tribunal Federal (STF), a fim de apurar o caso que envolve o Baleia Rossi na disputa à presidência da Câmara Federal e contra o deputado federal Arthur Lira (PP), da Paraíba - também envolvido em processo por corrupção e que tramita na esfera do Judiciário Federal. Ou seja: a Câmara Federal já presidida por alguns mafiosos como o ex-deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que foi preso por corrupção e formação de quadrilha, poderá ter novamente um mafioso presidente.

 

Investigações feitas pela Polícia Federal (MP) e Ministério Público Federal (MPF), apontam que o grupo em que aparece o nome do deputado Baleia Rossi (MDB), teria feito desvios na ordem de mais de R$ 200 milhões. O empresário da JBS Joesley Batista foi delator ao MP e à PF na operação denominada " Sevandija ", da PF e do MPF. A equipe da GAECO de São Paulo pediu à Justiça o envio para Brasília (DF), do " relatório de compartilhamento elaborado pela Agência Regional de Inteligência do Ministério Público ); com respectivas m´dias e documentos sobre as investigações da PF e do MPF. O deputado federal Baleia Rossi (MDB-SP), questionado pela Imprensa sobre as denúncias, nega totalmente quaisquer ato ilícito.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2021 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar