Segunda-Feira, 08 de Março de 2021
STJ deve exigir do TJ de Goiás reabrir processo contra padre mafioso e Afipe que desviaram mais de R$ 10 bilhões
22/02/2021 | 17:53
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

O caso foi trancado, isto mesmo; travado no Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJEG) sobre o processo contra o padre Robson Oliveira e Associação Filhos Filhos do Pai Eterno (Afipe ), com sede em Trindade (GO). Ambos são acusados de desvios de dinheiro que ultrapassa R$ 10 milhões de reais. A organização criminosa como vem sendo citada e investigada pela Polícia Civil e Ministério Público de Goiás, praticou crimes desde lavagem de dinheiro, formação de organização criminosa e falsidade ideológica, dentre outros. O Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), havia trancado o processo contra o padre Robson Oliveira e a Afipe, entretanto, como apontou a reportagem exclusiva da TV Globo através do Fantástico de domingo (21); o STJ deverá requerer imediata reabertura deste processo, inclusive, exigir ampla apurações sobre supostos pagamentos milionários de propinas para alguns dos desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás. 17 pessoas e empresas estão sendo investigadas neste processo. O dinheiro desviado pela organização criminosa, segundo apontam as investigações ocorreram num período de 10 anos.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2021 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar