Sexta-feira, 18 de Agosto de 2017
Eike Batista viajou aos Estados Unidos e Interpol está à caça
Bilionário mafioso e corrupto Eike Batista viajou aos Estados Unidos na véspera da prisão. Justiça investiga se houve vazamento. Interpol à caça
27/01/2017 | 4:54
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

O empresário brasileiro bilionário, mafioso e corrupto Eike Batista que teve sua prisão decretada pela 7a. Vara Federal Criminal, está sendo procurado pela Interpol e pela Polícia Federal. Eike Batista viajou sozinho para os Estados Unidos, dois dias antes de ser decretada a prisão durante esta última quinta-feira,26..

 

A Justiça brasileira investiga se houve ou não vazamento de informações que favoreceram a possível fuga antecipada do empresário Eike Batista. Segundo informações já divulgadas pela Imprensa, Eike Batista pagou mais de US$ 100 milhões de dólares em propina e um dos maiores beneficiários deste dinheiro foi o ex-governador do Rio de Janeiro, Sergio Cabral (PMDB). O líder mafioso e corrupto do PMDB Sérgio Cabral, já está preso na carceragem de Bangu, no Rio de Janeiro.

 

A Justiça e a Polícia Federal investigam desvios bilionários para paraísos fiscais. A Operação Lava-Jato está revelando absurdos de roubalheira bilionária dos cofres públicos no Brasil. Centenas de bilhões foram parar em paraísos fiscais. Vai desde projetos nunca elaborados e nem desenvolvidos na realidade e que visavam unicamente suprimir bilhões dos cofres públicos no país.

 

O ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral (PMDB); deverá devolver aos cofres públicos do Rio de Janeiro mais de R$ 270 milhões. Assim que houver a prisão do empresário Eike Batista, o mesmo deverá ser levado pela Polícia ao Presídio Ari Fraga. Eike não possui curso superior e deverá ficar em cela comum.

 

O estado do Rio de Janeiro possui atualmente mais de 1 milhão e 350 mil desempregados. Há atrasos salariais na folha de pagamentos de servidores públicos - tudo infelizmente consequência devido certamente a roubalheira de muitos bilhões dos cofres públicos; provocados pela máfia política em conluio com outros mafiosos e quadrilheiros lobistas e empresários já presos pela Operação Lava-Jato e de outros que estão na mira da Justiça e da Polícia Federal. A Lava-Jato deverá revelar em breve mais algumas centenas de mafiosos e corruptos que roubaram os cofres públicos no Brasil e até no exterior onde já estão ocorrendo prisões.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2017 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar