Segunda-Feira, 23 de Outubro de 2017
Governo da Turquia prende funcionária da Avaaz
Özlem, funcionária da Avaaz, foi presa na Turquia e permanece detida sem acusações . Campanha mundial pela libertação
24/07/2017 | 2:55
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Özlem está sendo mantida na prisão sem acusações formais, apenas por ter participado de uma reunião de defensores dos direitos humanos. Para o governo turco, Özlem é mais uma das milhares de pessoas presa na ação repressiva contra o povo da Turquia.

 

Um enorme apelo internacional vem sendo manifestado em dezenas de países através da mídia visando através desta ampla mobilização mundial em favor da defesa dos direitos humanos em que milhares de pessoas em diversos países vem sofrendo repressões absurdas como na Turquia, Venezuela e muitos outros países com governos ditatoriais. A Avazz, é uma rede de defesa global com 44 milhões de pessoas atuando em defesa dos direitos humanos e de toda a sociedade civil.

 

A Avazz elaborou uma petição que será entregue à Federica Mogherini, representante de Relações Exteriores da União Européia- UE na terça-feira, 25, antes de uma reunião crucial com a Turquia. A Avazz destaca esta campanha pró- libertação de Öslem em vários países.

 

O presidente turco Erdogan está atacando e prendendo milhares de pessoas que discordam de seu governo. Agora Özlem caiu nessa rede repressiva junto de outros 9 defensores dos direitos humanos, mas ela é um peixe pequeno para o governo turco. Na medida em que reuniões críticas de acordos comerciais entre a Turquia e a União Européia se aproximam, a última coisa que Erdogan precisa é uma dor de cabeça internacional sobre alguém que ele provavelmente nunca ouviu falar.

 

Para a Avazz, Özlem significa muito, " Ela trabalha na Avaaz porque compartilha muitos dos nossos valores. Há anos ela trabalha duro por um mundo onde as pessoas possam se manifestar por paz, justiça e direitos humanos, e não serem presas por isso. Ela deu vida a centenas de nossas campanhas para nossa comunidade na Turquia ", diz documento que divulga esta campanha da Avazz.

 

Agora, eles estão ameaçando acusá-la de terrorismo armado, segundo destaca a Avazz. O mais perto que Özlem já chegou de armas foram as usadas contra Özlem nas diversas manifestações onde lutava por justiça.

 

" Vamos defender a Özlem e todos que foram detidos com ela, colocando holofotes na sua prisão. Quando um milhão assinarem, entregaremos nosso pedido diretamente à representante de Relações Exteriores da UE antes da reunião na terça-feira, 25,e aumentar nossa pressão ", assinala a Avazz.

 

" Nossa comunidade já agiu a favor de defensores dos direitos humanos no mundo inteiro, de norte a sul, de leste a oeste. Isso faz parte de nosso DNA, está no coração do nosso movimento. Agora uma de nós está em perigo e dependendo de nossa ajuda. Vamos nos unir como nunca pela Özlem e seus amigos", complementa o documento da Avazz divulgado à Imprensa em todo o mundo.

 

Mais informações:

Tribunal da Turquia mantém prisão de ativistas dos direitos humanos (Estadão)

http://internacional.estadao.com.br/noticias/geral,diretor-da-anistia-internacional-e-mais-cinco-ativistas-sao-mantidos-presos-pela-justica-da-turquia,70001894092

 

ONU manifesta preocupação com prisão de defensores de direitos humanos na Turquia (ONU)

https://nacoesunidas.org/onu-manifesta-preocupacao-com-prisao-de-defensores-de-direitos-humanos-na-turquia/

 

Berlim convoca embaixador da Turquia após prisão de ativista (UOL)

https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/deutschewelle/2017/07/19/berlim-convoca-embaixador-da-turquia-a

 

Defensores de Direitos Humanos são presos na Turquia (Conectas)

http://www.conectas.org/pt/acoes/politica-externa/noticia/49346-liberdade-para-ativistas

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2017 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar