Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020
Pandemia do Covid- 19 atinge 1 milhão e 650 mil pessoas. Relaxamento ao isolamento social coloca mais vidas aos riscos da doença
Covid -19 atinge 1 milhão e 650 mil pessoas. Relaxamento ao isolamento social agrava ao avanço do coronavírus no Brasil
09/04/2020 | 20:41
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

O relaxamento ao isolamento social favorece o avanço da pandemia do coronavírus Covid- 19. Esta tem sido a recomendação principal de todos os principais cientistas especialistas em epidemias do mundo, incluindo a Organização Mundial da saúde - OMS. Mas parece que em alguns países esta principal recomendação para evitar rápido rápido diário do número de infectados e de mortos pelo coronavírus Covid-19. No Brasil, começa agravar-se rapidamente a pandemia do coronavírus Covid-19. Já são mais de 18.000 pessoas infectadas pelo coronavírus Covid- 19 e o número de mortes no Brasil pelo coronavírus Covid- 19 atingiu mais de 850 na quinta-feira (09). O Estado de São Paulo é o estado brasileiro com maior número de mortes sendo registrado até quinta-feira (09), 428 óbitos. No Rio de Janeiro são 106 vítimas fatais pelo contágio do coronavírus Covid- 19. E a pandemia não dá trégua tanto na Europa como nos Estados Unidos e vem avançado pelo continente Africano e também pela América Latina. Nas últimas 48 horas os Estados Unidos teve registro de mais de 2.560 mortes pelo coronavírus Covid- 19.

 

Nos Estados Unidos já são mais de 400.000 pessoas infectadas pelo coronavírus Covid- 19. Nova Iorque já é considerada infelizmente a capital do coronavírus do mundo diante da dimensão avassaladora com que a doença vem atingindo a população da capital norte-americana. O colapso chegou de vez nos Estados Unidos com a falta de equipamentos como respiradores e até de proteção - os chamados EPIs- Equipamentos de Proteção Individuais. 23 aviões americanos deslocaram-se para a China no início desta semana a fim de transportar toneladas destes equipamentos de proteção contra contágios do coronavírus Covid- 19. Itália, França; Espanha e o Reino Unido além da Alemanha sofrem o colapso desta pandemia do coronavírus Covid- 19 mesmo diante de medias drásticas que vão desde ao isolamento social até ao fechamento das fronteiras e bloqueios de cidades.

 

Brasil com populações que parece de longe esquecer que existe uma grave doença se alastrando

Algo estarrecedor ocorre no Brasil onde mesmo diante ao aumento diário de centenas de novos casos de infectados pelo novo coronavírus Covid - 19 e também de mortos pela doença; muitas pessoas estão subestimando esta pandemia que está levando milhões de pessoas aos hospitais em 186 países do mundo e que já matou quase 100.000 mil pessoas em todos estes países do mundo. Desrespeitar o isolamento social e ou distanciamento social para quando necessário ir ao supermercado; à uma farmácia ou a um posto de combustível e mesmo para quem tem que deslocar-se ao trabalho indispensável como da área da Saúde e de Segurança Pública e do Exército, coletores de resíduos domiciliares e hospitalares; dentre outras profissões indispensáveis neste momento em todo o Brasil por exemplo; requer uma maior atenção e compreensão desta responsabilidade para com a saúde e, por consequência com a vida de cada cidadão, seja individual ou coletiva esta segurança sanitária. Portanto, priorizar o isolamento social é fundamental em todo o país.

 

Brasil, EUA e Espanha recorrem ao uso da hidroxicloroquina mesmo sem total segurança `ao Covid-19

O Brasil assim como os Estados Unidos e agora a Espanha estão recorrendo à importação da hidroxocloroquina junto a Índia que é principal produtora da cloroquina, principal ativo que forma a hidroxocloroquina que alguns pacientes infectados pelo coronavírus Covid- 19 utilizaram recentemente na tentativa por orientação médica que presta atendimento a estes poucos pacientes que até agora foram submetidos ao tratamento da doença, ou seja, infectados pelo coronavírus Covid- 19, mas que para grande maioria de especialistas da área de infectologia e de controle de doenças epidemiológicas ao uso da hidroxicloroquina ainda depende de resultados e estudos mais abrangentes clínicos diante de alguns riscos à saúde humana quando ministrado em determinadas situações onde pacientes que estejam mais fragilizados por outras comorbidades e desta forma sendo um grande risco à saúde. Como bem frisou o ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta ao relatar sobre estes riscos do uso da hidroxicloroquina e que vai depender unicamente de cada profissional médico em relação a cada situação de atenção para pacientes infectados pelo coronavírus Covid- 19 e que estejam numa situação mais grave da doença.

 

Vacina pode surgir entre 12 a 18 meses, prevê a Pfizer

São 52 projetos em todo o mundo pesquisando a vacina para o coronavírus Covid- 19, sendo 6 de tecnologias diferenciadas uma da outra. A indústria farmacêutica Pfizer destacou na quinta-feira (09), que juntamente com uma outra indústria da Alemanha estão desenvolvendo estudos bem avançados em relação à criação a vacina contra o coronavírus Covid-19. O objetivo destes avançados estudos e que ocorrem em várias destas frentes em todo o mundo, em vários países; especialmente neste caso da Pfizer e de outra indústria da Alemanha, possuem uma tecnologia emergente. Há ensaios clínicos bem adiantados para 4 vacinas diferentes e simultâneas contra o coronavírus Covid- 19. Segundo o diretor de Investigação e Desenvolvimento da Pfizer Mikael Dolsten, salientou ter " fé e que ganharemos esta batalha para esta guerra viral contra nossa sociedade ". Destacou Dolsten que entre 12 a 18 meses já esteja pronta e disponível esta vacina. E na Espanha, a titular de Saúde daquele país Alba Vergês, destacou o dedicado trabalho das equipes que estão atuando pela área da Saúde e demais aliados neste trabalho conjunto na Espanha que mesmo diante deste período extremamente difícil de enfrentamento ao coronavírus Covid-19. onde neste país são mais de 141.000 mil pessoas infectadas e onde mais de 14.000 mil pessoas morreram devido a doença, estão fazendo um grande trabalho neste dias de imensas dificuldades. Aliás, dificuldades que também atravessam muitos outros países que enfrentam esta pandemia como desde dos Estados Unidos; Itália; França; Reino Unido; Alemanha; Brasil; África; Israel; Equador; Venezuela; China; Coreia do Sul; Bélgica; Suíça; Suécia; Rússia; e muitos outros como da Argentina; Chile; Bolívia; Colômbia; Peru, dentre muitos outros países.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2020 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar