Terça-Feira, 30 de Novembro de 2021
China quer pena de morte para Jornalista Zhang Zhan que revelou tragédia da pandemia
China vai decretar pena de morte para Jornalista Zhang Zhan que revelou crise da pandemia na China
09/11/2021 | 18:26
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

O governo ditatorial; mafioso, corrupto da China quer decretar pena de morte para a Jornalista e ex- advogada Zhang Zhan, que revelou ao mundo as primeiras imagens da pandemia do novo coronavírus em Whuan ( China). Zhang Zang, 38, está presa por determinação o governo chinês que decretou 4 anos de prisão para Zhang Zhan e que agora quer decretar pena de morte. Entidades representativas de jornalismo do mundo todo estão reivindicando a soltura imediata da Jornalista Zhang Zhan.

 

A Jornalista Zhang Zhan declarou greve de fome no final de 200. Há vários meses Zhan Zhan vem sendo alimentada à força por sondas nasogastricas. O irmão da Jornalista Zhang Zhan, advertiu na semana passada que a sua irmã está debilitada, magra e que poderá não sobreviver ao inverno que se aproxima na China. Segundo o irmão da Jornalista, Zhang Ju, destacou à imprensa de que a família dela está muitíssimo preocupada diante aos riscos eminentes do governo da China levá-la à morte.

 

Em fevereiro de 2020, logo no início da pandemia da Covtid-19, a Jornalista Zhang Zhan; viajou até ao centro da China - epicentro da pandemia da Covid-19; onde narrou a grave situação com que a pandemia da Covid-19 estava provocando naquela região de Whuan e que se espalhava rapidamente pela China e outros países da Ásia e na Europa. A Jornalista mostrou imagens ao mundo em que corredores de hospitais estavam superlotados e havia uma situação crítica ao atendimento de milhares de pacientes da ovid-19. Zhang revelou ao mundo as condições precárias sanitárias de vários hospitais da China.

 

A Anistia Internacional pediu na semana passada a libertação imediata da Jornalista e ex-advogada Zhang Zhan. A família pediu através de advogado para visitar Zhang Zhan, mas autoridades chinesas não deram ainda respostas. O governo mafiosos, corrupto e ditatorial da China, mostra ao restante do mundo que a democracia, liberdade de imprensa e de informação ao povo não é aceita de forma alguma naquele país asiático - o país que mais polui o Planeta e onde concentra-se maiores organizações mafiosas do mundo.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2021 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar