Sábado, 15 de Agosto de 2020
Praças de Santa Catarina realizam manifestação contra governo de Carlos Moisés (PSL), que nega reposição salarial à categoria
Mais de 4 mil Praças Militares e Bombeiros fizeram uma manifestação reivindicando reposição salarial à categoria. Governo tem negado pedido
01/02/2020 | 18:28
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Ocorreu na quinta-feira (30), em Florianópolis (SC), na sede da Associação Médica Catarinense, próximo ao Centro Administrativo do Governo do Estado de Santa Catarina; uma assembleia realizada pela APRASC- Associação de Praças do Estado de Santa Catarina. A categoria reivindica uma reposição salarial na ordem de 37% sobre os salários e que há seis anos sequer governos tanto anterior na gestão de Raimundo Colombo (PSD), quanto do atual de Carlos Moisés (PSL), atendem esta reivindicação da categoria. Somente da região Oeste de Santa Catarina 14 ônibus lotados de Praças e Bombeiros deslocaram-se até Florianópolis para participarem desta assembleia somando a outros milhares de praças oriundos de outras regiões de Santa Catarina. De Lages, na região serrana foram quatro ônibus lotados e mais uma Van. Após a assembleia o grupo fez uma caminhada até ao Centro Administrativo do Governo do Estado que fica próximo da sede da Associação Médica de Santa Catarina onde ocorreu a reunião de praças e bombeiros. O governo de Carlos Moisés (PSL), tem negado este reajuste salarial.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2020 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar