Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020
Câmara Federal mantém proteção à mafiosos e corruptos. Condenado pelo STF à pedido do MPF; PGR e PF, Wilson Santiago se livra de perder mandato
Câmara Federal - Por 233 votos contra 170 o mafioso e corrupto deputado federal Wilson Santiago (PTB-PB), se livra de perder o mandato, por enquanto
07/02/2020 | 13:51
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Em dezembro passado o Supremo Tribunal Federal (STF), a pedido da Procuradoria - Geral da República e do Ministério Público Federal (MPF); após investigações realizadas pela Polícia Federal (PF), determinou a cassação do mandato do mafioso e corrupto deputado federal Wilson Santiago (PTB-PB). Agora, na quarta-feira (05), na sessão da Câmara Federal em Brasília (DF), uma votação parlamentar deu manutenção do cargo de deputado federal para Wilson Santiago (PTB-PB).

 

Por 233 votos contra 170 votos a Câmara Federal derrubou a decisão do STF. Ou seja, o mafioso e corrupto deputado federal Wilson Santiago - mais um das centenas de deputados envolvidos em corrupção, lavagem de dinheiro, formação de organização criminosa, fraudes e de outros atos também ilícitos como mostrou várias das investigações da PF e do MPF nestes últimos anos no Brasil; neste caso envolvendo o mafioso e corrupto deputado federal Wilson Santiago, a PF e MPF descobriram crimes de lavagem de dinheiro; corrupção passiva e organização criminosa além de fraudes licitatórias praticadas na Paraíba e cujos crimes resultaram em pagamentos de propinas no valor de R$ 1,2 milhão ligados a obras naquele estado do Nordeste onde foram aplicados recursos públicos na ordem de R$ 24,8 milhões.

 

Portanto, significativa parcela da Câmara Federal no Brasil continua mantendo a velha prática política. Isto é : dando proteção aos mafiosos e corruptos que subtraem dinheiro público deste país - dinheiro que é do povo e que deveria ser investido para os serviços públicos de alta qualidade - algo que infelizmente no Brasil ainda não ocorre como deveria ser. A comissão de Ética da Câmara Federal deverá rever esta decisão que favoreceu o mafioso e corrupto parlamentar.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2020 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar