Quinta-feira, 16 de Setembro de 2021
Corruptos; mafiosos não possuem moral nem crédito para criticar Bolsonaro mesmo que o presidente tenha cometido erros
19/08/2021 | 9:26
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Exato. É óbvio que quando se vê na imprensa brasileira seguidas críticas ao presidente da República Jair Bolsonaro ( sem partido); e principalmente oriundas de muitos mafiosos e corruptos em que são até réus em processos por corrupção passiva; lavagem de dinheiro, organização criminosa; caixa dois de campanha; falsidade ideológica; certamente estes mafioso0s e corruptos que tecem críticas ao presidente Jair Bolsonaro, não possuem nenhuma moral e tão pouco credibilidade para tecer criticas quando os mesmos estão com o rabo preso junto ao Ministério Público Federal (MPF), junto ao Supremo Tribunal Federal (STF), após serem alvos de investigações da Polícia Federal e do MPF.

 

É óbvio também que o próprio presidente da República Jair Bolsonaro ( sem partido, mas eleito pelo PSL), possui inúmeras práticas equivocadas como ao de ter ao seu lado vários aliados mafiosos e corruptos a começar pelos principais líderes políticos que estão com vários processos junto a Justiça Federal. Vejamos por exemplo: o presidente da Câmara Federal Arthur Lira (PP); deputado federal Ricardo Barros também do PP; o ministro da Casa Civil; Ciro Nogueira outro parlamentar também do PP- que aliás foi o partido com maior número de parlamentares denunciados na Operação Lava Jato. Enfim; isto sem contar os erros de governo na condução dos trabalhos relacionados ao combate da pandemia da Covid -19 no país.

 

Ver Kassab (PSD) criticando Bolsonaro é piada de mau gosto: um mafioso, corrupto dando de moral !

Cá entre nós leitores do Destaque Catarina: Vejam o que disse o ex-ministro e ex-prefeito de São Paulo (SP), Gilberto Kassab , atual presidente Nacional do PSD, quando criticou o presidente Bolsonaro ao citar que Bolsonaro " está (sic) perdidinho e caminha para derrota em 2022 ". Gilberto kassab (PSD), possui dezenas de processos contra ele tramitando no Judiciário deste país. Um deles para se ter ideia, foi um dos que o levou a ser réu diante denúncia aceita pela 1a. Zona Eleitoral de São Paulo e referindo-se ao repasse pela JBS no valor de R$ 16 milhões, recursos financeiros repassados indevidamente, segundo investigações realizadas pela PF e pelo MPF e cujo montante foi repassado pela JBS ao ex-ministro Gilberto Kassab (PSD) no período entre janeiro de 2014 a dezembro de 2016. O juiz Marco Antônio Martins Vargas aceitara a denúncia em março de 2021.

 

Portanto, bem recente. Isso é um dos exemplos de alguns mafiosos, corruptos que começam ostensivamente a manifestar criticas contra o presidente da República Jair Bolsonaro. Convenhamos: é piada de mau gosto destes canalhas de políticos mafiosos e corruptos vir a público manifestar críticas contra o atual governo quando eles próprios estão sim envolvidos até o pescoço em processos por corrupção, caixa dois ( somente na Lava Jato foram mais de 1.840 políticos relacionados em planilhas de empreiteiras e que receberam recursos financeiros indevidamente para as campanhas políticas). Um detalhe: apenas um, isto mesmo: apenas um político destes foi parar na prisão e acabou morrendo doente numa cela no Paraná. Isto tudo, este descompasso, quando sequer corruptos ou mafiosos vão parar na prisão, tem um fator decisivo: é graças à omissão por parte tanto do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Supremo Tribunal de Justiça (STJ)< e que acaba facilitando, favorecendo diante ausências de conclusões e punições para estes corruptos e mafiosos que desviaram centenas de bilhões junto aos cofres públicos do Brasil - ( basta ver as milhares de ações investigatórias tanto da PF; MPF; Receita Federal; Coaf; Gaecos); ao longo das últimas pelo menos 5 décadas no Brasil.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2021 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar