Quinta-feira, 16 de Setembro de 2021
Hamilton Mourão de vice menosprezado por JB à presidência da República é bem possível
Hamilton Mourão de vice menosprezado por JB à presidência da República é bem possível
06/09/2021 | 1:00
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

A política tem suas nuances históricas que vão desde fases péssimas, desastrosas e incoerentes com as necessidades e prioridades de uma Nação como é a do Brasil; até ao ápice de avanços substanciais; credibilidade política- administrativa e institucionais além de alcance maior de justiças sociais. Pois o Brasil mais do que nunca atravessas exatamente esta crise política, institucional e social econômica e que precisa, carece de uma travessia pró- condições efetivas, propositivas a favor de toda a sociedade brasileira, principalmente favoráveis para milhões de cidadãos que vivem em situação de miserabilidade, fragilidade social e econômica.

 

Eis que o atual presidente da República Jair Bolsonaro desde o início do mandato não teve a grandeza de proporcionar um direcionamento efetivo de colocar o Brasil em condições de avanços face ao manter ao seu lado muitos mafiosos e corruptos a exemplo de governos anteriores como por exemplo de Lula, Dilma (PT) e de Michel Temer (MDB). Ambos ex-presidentes com processos tramitando na Justiça Federal por vários crimes desde corrupção; lavagem de dinheiro e organização criminosa, dentre outros ilícitos. E o atual presidente Jair Bolsonaro se vê diante dezenas de pedidos de Impeachment e de uma CPI como da CPI da Covid-19 que poderá levá-lo à cassação do mandato.

 

É aí que entra o personagem principal do contexto de administração de uma Nação como a do Brasil - carente de credibilidade política- administrativa nacional. O vice-presidente da República Hamilton Mourão, general formado pela Escola Militar das Forças Armadas, sem dúvida mostrou ao longo de sua atuação como vice-presidente a capacidade de dialogar com nobreza sobre vários temas relevantes ao país. Mourão age como um líder equilibrado, responsável com suas palavras e mesmo quando em momentos difíceis onde deve propor intenção de discorrer temas dos mais sensíveis ao Brasil; Mourão sabe da medida exata com que deve se expor e com responsabilidade à uma população na qual a grande maioria desta sociedade se vê diante esta fragilidade com que o atual governo atua junto aos aliados políticos, principalmente com alguns dos principais líderes partidários aliados que atuam no Congresso Nacional; não tendo uma credibilidade política capaz de resolver os graves problemas da Nação Brasileira.

 

Mas, Hamilton Mourão sabe disto. Sabe que mais do que um governo aliar-se com alguns corruptos e mafiosos é preciso ter uma reação propositiva ao Brasil e buscar novo caminho desviando destes agentes políticos envolvidos com corrupção e desmandos financeiros deste país. Caso, e digo: caso haja o Impeachment de Bolsonaro; caberá ao vice - presidente da república Hamilton Mourão, comandar o Brasil. E isto pode ser sim possível, desde que haja um possível Impeachment de Jair Bolsonaro, o que é bem provável. E Hamilton Mourão assumindo a presidência da República, terá aí a grande oportunidade de eleger-se novamente presidente nas eleições de outubro de 2022. Afinal; Bolsonaro seria passado e Lula (PT) igualmente passado. Hamilton Mourão poderia sim ter a oportunidade de mostrar ao povo brasileiro que a chamada " terceira Via " para disputar a presidência da República já estava sim construída naturalmente.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2021 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar