Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018
Diversos hospitais em Santa Catarina podem fechar. Alguns já suspendem atendimentos
Governo mafioso e incompetente deixa vários hospitais sob ameaça de fecharam as portas. Alguns já suspenderam atendimento de emergência
05/08/2017 | 11:13
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

É mais do que grave a crise na rede hospitalar em Santa Catarina. Nunca antes foi registrada situação caótica quanto a que estão enfrentando muitos dos hospitais públicos e até filantrópicos no Estado de Santa Catarina. Em Joinville - região norte do estado e maior cidade populacional de Santa Catarina a crise é gravíssima financeiramente; assim como em Criciúma; Curitibanos; Itajaí; Florianópolis; Chapecó e de muitos outros municípios que possuem hospitais em condições muito precárias de atendimento a pacientes diante da falta de recursos financeiros para manter estes hospitais em plenas condições de atender a demanda dos atendimentos.

 

O Governo do Estado de Santa Catarina possui uma dívida na secretaria de Estado da Saúde em mais de R$ 240 milhões e muitos fornecedores não recebem pagamentos há meses; assim como muitos destes hospitais que aguardam do Governo do Estado os repasses em atrasos. A incompetência governamental desde há muitos anos vem sendo a tônica de governantes mafiosos que formam alianças política partidárias espúrias para manterem-se no poder administrativo e as consequências disto acaba atingindo milhares de pessoas que precisam dos serviços públicos como na área da Saúde; Segurança Pública e Educação.

 

CEPON em Florianópolis (SC), sob ameça de fechamento

Exemplo desta incompetência do Governo sob comando de Raimundo Colombo (PSD), o "Ovo" da Lava Jato, está na questão do CEPON que aguarda repasse financeiro do Governo Estadual e o CEPON já antecipou publicamente que poderá suspender muitos dos atendimentos para cerca de 10 mil pacientes que buscam mensalmente o CEPON para receber os tratamentos contra o câncer.

 

A política brasileira está literalmente podre devido ações mafiosas de quadrilhas que roubam bilhões dos cofres públicos e escândalos como do Mensalão e da Lava jato; Zelotes dentre centenas de outros destes escândalos de roubalheira do dinheiro público- dinheiro do povo; faz com que muitas pessoas acabem sendo vítimas destas práticas criminosas e sem poderem defender-se, sucumbem diante de doenças que poderiam merecer tratamentos mais dignos e respeitosos de quem responde pelas administrações governamentais.

 

Já, o Hospital Universitário (HU), em Florianópolis (SC), sofre igualmente a falta de repasse de recursos e desta vez por parte do governo federal sob comando do mafioso e corrupto Michel Temer (PMDB). Faltam vários tipos de medicamentos; faltam também algumas das vacinas como da Pentavalente e assim por diante. Um caos absoluto na área da Saúde Pública em Santa Catarina. lamentável ! Triste esta situação que coloca em risco a vida e a saúde de milhares de pacientes em Santa Catarina.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2018 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar