Segunda-Feira, 18 de Junho de 2018
COFEM manifesta-se contra título de cidadão catarinense a Lula
FIESC, FAESC, FACISC, FAMPESC, FCDL, FECOMÉRCIO e FETRANCESC defendem que a Assembleia Legislativa de SC suspenda o ato de entrega e revogue concessão do título
23/03/2018 | 16:49
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

O Conselho das Federações Empresariais de Santa Catarina (COFEM), que representa todos os setores da economia catarinense, lançou na sexta-feira (23); véspera da visita do ex-presidente da República Luis Inácio Lula da Silva (PT) à Florianópolis (SC). A nota manifestando-se contra a concessão do título de cidadão catarinense a Luiz Inácio Lula da Silva. As entidades que integram o COFEM defendem que a Assembleia Legislativa de Santa Catarina - Alesc, suspenda o ato de entrega e revogue a concessão de iniciativa do deputado estadual Jailson Lima da Silva (PT) e aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina - Alesc. Lula chega no sábado (24), em Florianópolis e visita após região Oeste do estado.

 

O COFEM é integrado pela FIESC (Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina), FAESC (Federação da Agricultura do Estado de Santa Catarina); FACISC (Federação das Associações Comerciais e Industriais de Santa Catarina); FAMPESC (Federação das Associações de Micro e Pequenas Empresas do Estado de Santa Catarina); FCDL/SC (Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina); FECOMÉRCIO (Federação do Comércio do Estado de Santa Catarina) e FETRANCESC (Federação das Empresas de Transportes de Cargas do Estado de Santa Catarina).

 

Veja a íntegra da nota:

NOTA OFICIAL
O Conselho das Federações Empresariais de Santa Catarina – COFEM manifesta-se veementemente contra a entrega, pela Assembleia Legislativa do Estado, do título de Cidadão Catarinense, concedido em 2008, ao senhor Luiz Inácio Lula da Silva. Condenado por unanimidade pelo Tribunal Federal da 4ª Região, por corrupção, o mesmo não atende os requisitos da Lei Ordinária 16.721, de 8 de outubro de 2015, que exige “elevado espírito público, virtudes éticas e idoneidade moral”.

 

O COFEM espera que, em respeito à sociedade catarinense, a Assembleia Legislativa estadual suspenda o ato de entrega do título e revogue a referida concessão.

 

Florianópolis, 23 de março de 2018.

FIESC
Presidente Glauco José Côrte
FAESC
Presidente José Zeferino Pedrozo
FACISC
Presidente Jonny Zulauf
FAMPESC
Presidente Alcides Andrade
FCDL/SC
Presidente Ivan Roberto Tauffer
FECOMÉRCIO
Presidente Bruno Breithaupt
FETRANCESC
Presidente Ari Rabaiolli

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2018 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar