Quarta-Feira, 26 de Junho de 2019
Caos na maioria dos hospitais de Santa Catarina
Governos corruptos deixam a crise aprofundar-se na maioria dos hospitais de Santa Catarina
02/04/2019 | 0:09
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

A crise é tão grave que há pacientes a espera de atendimento pelos corredores de hospitais como é o caso do Hospital Universitário de Florianópolis (HU). Pacientes esperam pelo atendimento sentados em cadeiras pelos corredores. Faltam leitos na maioria dos hospitais de Santa Catarina - tudo fruto de governos corruptos e mafiosos incompetentes que deixaram a área da Saúde na maior crise da história de Santa Catarina.

 

Em Joinville, Florianópolis onde neste caso da "Ilha da Magia" onde um único aparelho de ressonância magnética estava quebrado por mais de três semanas assim como um outro aparelho se suma importância ao atendimento aos pacientes e que também ficou quebrado por longas semanas. Crise hospitalar que atinge também o Hospital Infantil Joana de Gusmão que depende de campanhas solidárias para dar amplo atendimento aos pacientes.

 

Em Lages, na cidade do ex-governador Raimundo Colombo (PSD); a crise atinge profundamente os hospitais Nossa Senhora dos Prazeres, bem como o Hospital Geral e Maternidade Tereza Ramos (HGMTR ) que desativou nesta semana uma ala ( todos os leitos e salas do 5 (quinto) andar deste hospital e maternidade). E há outro agravante no prédio do Hospital Geral e Maternidade Tereza Ramos (HGMTR) que são as rachaduras em várias partes deste hospital.

 

Rachaduras estas que podem comprometer toda a estrutura física e colocando em risco a vida de pacientes e servidores que ali prestam o atendimento à saúde de dezenas de pacientes. Também em outras regiões de Santa Catarina como em Blumenau a crise hospitalar é grave chegando a ameaçar fechamento de um dos principais hospitais de Blumenau (SC). Desafio enorme para o governador Carlos Moisés (PSL), em resolver a crise na área da Saúde em Santa Catarina. Região Meio Oeste e Oeste de Santa Catarina também possui enormes dificuldades quanto a questão hospitalar assim como na região Sul do estado catarinense.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2019 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar