Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2022
Relatório da CPI da Covid chega à PGR. Bolsonaro que defende imunidade de rebanho levaria à mais de 8 milhões de óbitos
27/10/2021 | 20:11
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

Foi entregue na quarta-feira (27) `, para a Procuradoria-Geral da República (PGR), o relatório final da CPI da Covid-19, instalada em abril deste ano e que investigou um vasto leque de atos criminosos e ilícitos atingindo dezenas de pessoas e empresas. O relatório da CPI da Covid instalada no Senado Federal pede indiciamento de 78 pessoas , incluindo desde o presidente da República Jair Bolsonaro; vários ministros e ex-ministros do governo Bolsonaro; alguns médicos; vários empresários e outras pessoas que atuaram em conluio como atravessadores na tentativa de vender vacinas superfaturadas e que sequer estavam disponíveis ao Ministério da Saúde.

 

O Brasil, caso seguisse o que preconizava desde início da pandemia o que o presidente da República defendia como no caso da imunidade por rebanho onde mais de 70% da população deveria sofrer o contágio do vírus da Covid-19, hoje, os números de óbitos pela Covid no Brasil, ultrapassariam mais de 8.000.000 milhões de vidas perdidas pela Covid-19. O que já é uma grande tragédia o Brasil ter registrado mais de 606.000 mil mortes pela Covid- este número levaria a mais de 12 vezes maior o número de óbitos pela Covid19. Seria uma catástrofe ainda maior e mais sofrimento para milhões de pessoas que vivem no Brasil. 

 

Caberá agora à Procuradoria-Geral da República (PGR), tomar providência para análise deste relatório final da CPI da Covid, encaminhá-lo em seguida ao Ministério Público Federal (MPF), e por fim, tomar todas as providências cabíveis no que tange à punir os responsáveis pelos diversos crimes ali citados neste relatório final da CPI da Covid-19.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2022 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar