Sábado, 24 de Julho de 2021
Amazonas no caos: Operação Sangria da PF faz buscas e apreensões na casa e gabinete do governador e secretário de Saúde é fugitivo
03/06/2021 | 13:14
Postado por: Destaque Catarina
A- A+

A Polícia Federal (PF), cumpriu na manhã de quarta-feira (02), em Manaus e em Porto Alegre, ambos no Estado do Amazonas, 26 mandados de buscas e apreensão além de seis prisões preventivas. Uma organização criminosa é investigada por desvios de recursos públicos da Saúde em mais de R$ 22.837.000,00 mil reais. A quadrilha tem inclusive a participação do secretário de Estado da Saúde do Amazonas Marcellus Câmpelo que é já considerado foragido da Policia Federal (PF).

 

Ha CPI da Covid-19. Houve ação de buscas e apreensões na casa e no gabinete também do governador do Amazonas Wilson Lima (PSC). As investigações da Polícia Federal (PF) e do Ministério Público Federal (MPF), apontam vários crimes desde organização criminosa; fraudes licitatórias; lavagem de dinheiro, dentre outros crimes como os de desvios financeiros milionários na área da Saúde - dinheiro que está faltando para aquisição de insumos e de infraestruturas necessárias para atender a milhares de pacientes infectados pela Covid-19 e onde centenas deles já morreram diante as precárias condições das diversas unidades de Pronto Atendimentos espalhados pelo Estado do Amazonas.

 

Estado do Amazonas sofre crimes hediondos diante roubalheira de dinheiro público à Saúde

Um crime hediondo e que a CPI da Covid-19 no Congresso Nacional ignora. O presidente da CPi da Covid-19 no Congresso Nacional já foi alvo de investigações da PF e do MPF quando no exercício do cargo de governador do Amazonas. Além dele, a esposa e três irmãos foram denunciados ao MPF e a PF chegou a deflagrar há cerca de 2 anos atrás; ação de prisões diante denúncias e com investigações da PF e do MPF que apontaram desvios milionários dos cofres públicos na ordem de mais de R$ 96 milhões de reais. E as investigações da PF e do MPF no Amazonas diante desta Operação Sangria atinge desde vários servidores públicos de alto escalão no governo de Wilson Lima (PSC), e também até alguns empresários como d e Nilton Costa Lins Junior que recebeu a Polícia Federal (PF) à tiros.

 

Máfia atuando no Amazonas fez com que desvios de dinheiro público provocasse mais mortes pela Covid

A máfia investigada em Manaus (AM), pelo jeito que atuaram segundo as investigações da PF e do MPF não tiveram sequer piedade de desviar recursos de forma criminosa, hedionda nesta pandemia terrível da Covid-19, e utilizando maneiras das mais repudiáveis como a de uma empresa importadora de vinhos no esquema criminoso de desvios financeiros do governo do Amazonas. O povo amazonense que enfrenta esta pandemia da Covid-19 sob enorme dificuldade na área estruturais da Saúde como já foram apontadas desde início desta pandemia há mais de um ano atrás, atravessando um colapso onde milhares de pessoas foram a óbito por falta desde oxigênio medicinal; kit intubação; falta de leitos de UTIs e até de leitos de enfermagem na maioria das unidades de Saúde; percebe mais do que nunca agora que os desvios de dinheiro público de forma vergonhosa, criminosa, representa algo inaceitável e trata-se de crime hediondo.

Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2021 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar