Sábado, 24 de Julho de 2021
Repugnante crime de policial americano que matou George Floyd lança EUA em onda de manifestações
Repugnante crime de policial americano que matou George Floyd lança EUA em onda de manifestações
30/05/2020 | 18:38
Postado por: Destaque Catarina
A- A+
O vídeo gravado e publicado em redes sociais no início da semana que antecede o final do mês de maio deste ano, gerou uma onda de protestos e manifestações populares em pelo menos 17 estados americanos. O vídeo mostra o policial Derek Chauvin com o joelho em cima do pescoço de George Floyd, já imobilizado caído no chão junto a roda de um dos veículos policiais dos Estados Unidos em Minneapolis.  O ato criminoso que provocou a morte de George Floyd- um homem negro americano e que ficou por 8 minutos e 26 segundos sufocado e morrendo logo em seguida. " Não consigo respirar ", foi uma frase de George Floyd já sem fôlego e próximo de perder a vida diante desta atitude repugnante e covarde do policial americano com vários antecedentes de violência policial e registradas no histórico da polícia americana. Outros três policiais que estavam nesta operação  também estão sendo investigados pela Justiça americana.
 
 
Logo após a publicação do vídeo feito por Darnella Frazien e publicado por ela em redes sociais; a reação foi imediata de entidades de defesa dos direitos humanos nos Estados Unidos de onde iniciou-se uma onda de manifestações e protestos populares em 17 estados americanos. Duas pessoas morreram nestes protestos pela morte de George Floyd. O caso da morte de George Floyd reacende a revolta contra a morte de cidadãos negros nos Estados Unidos. A repercussão mundial deste crime contra George Floyd, foi imediata e gerou revolta nas redes sociais diante milhões de manifestações contrárias a este tipo de atitude criminosa. A mulher do policial americano Derek Chauvin pediu o divórcio e acionou advogado para tratar deste pedido.
Comentários (0)
Seja o primeiro a comentar.
© 2010 - 2021 Jornal Destaque Catarina. Todos os direitos reservados
Encaminhe esta notícia
Seu nome
Seu e-mail
E-mail remetente
Comentário
Caracteres restantes

Enviar notícia
Reportar abuso
Seu nome
Seu e-mail
Seu telefone
Comentário
Caracteres restantes

Reportar abuso
Faça seu login!
Login
Senha
Permanecer conectado
Conectar